Testes mostram que apesar do novo smartphone da Samsung ter maior capacidade de bateria, sua duração é menor que a de seu antecessor.

O Galaxy S7, que já está sendo entregue a seus consumidores, teve como um dos grandes focos por parte da Samsung o "conserto" de algumas falhas que a empresa havia cometido na versão anterior do dispositivo. Um dos exemplos, é a falta de cartões microSD, bem como uma bateria menos potente do que a do Galaxy S5. E é exatamente esse último tópico que vem causando polêmica, já que embora o Galaxy S7 conte com uma bateria mais potente do que a do seu antecessor, S6, um teste feito pelo site PhoneArena mostrou que o S7 possui uma bateria com autonomia menor do que a do S6.

A notícia caiu como uma bomba entre os usuários, já que o Galaxy S6 vinha com 250 mAh a menos de potência em comparação a seu antecessor e agora o S7 conta com uma potência maior que o antecessor, mas pode chegar aos consumidores com uma autonomia menor do que do S6.

O S7 conta com 3.000 mAh e seu ''irmão'' S7 Edge com 3.600 mAh, com 14nm, o que segundo a Samsung faz com que o consumo de energia seja reduzido, o que inclusive fez com que a empresa acreditasse que seria possível oferecer o S6 com uma bateria menos potente e com mais autonomia.

Os testes do site PhoneArena utilizaram o Galaxy S7 vendido pela Verizon, operadora de telefonia, além de contar com o Snapdragon 820. Para realizar os testes, o aparelho foi colocado a prova com todas as suas configuações em alto nível, como 200 nits de brilho, simulando o uso de um usuário comum no dia a dia.

Entre os usuários e mídia, muitos ainda acreditam que o fato do S7 ser aparentemente um dispositivo com autonomia menor, tem a ver com o fato do dispositivo supostamente ainda não ter sido otimizado como o necessário e o problema deve ser solucionado o quanto antes pela Samsung, enquanto outros usuários acreditam que o erro pode ser proveniente de algum bug com o chipset da Qualcomm, lembrando que a versão brasileira conta com o Exynos 8890 e não com o Snapdragon 820.

Quanto aos resultados dos testes, o Galaxy S6 possui 7h14min de autonomia, contra míseros 6h37min do Galaxy S7. Já o Galaxy S6 Edge possui autonomia de 8h11min, contra 7h18min do S7 Edge, que conta com 1000 mAh a mais de potência.

Por João Trajano


Novo smartphone top de linha da Samsung traz melhorias e custa a partir de R$ 3.799.

A cada lançamento de smartphone da Samsung no mundo, todo o público fica bastante ansioso para saber quais serão as novidades e inovações trazidas por esta que é uma das maiores marcas fabricantes de smartphones atualmente no mundo. E por aqui no Brasil, quando há um lançamento da marca, a euforia não é diferente e foi neste contexto que a Samsung fez o lançamento, na noite do último dia 17 de março, do seu mais novo smartphone topo de linha. Seguindo as linhas anteriores, o aparelho foi batizado com o nome de Galaxy S7 e este smartphone será a principal aposta da empresa neste primeiro semestre do ano de 2016.

O evento de lançamento do Samsung Galaxy S7 ocorreu em um evento de grande porte na cidade de São Paulo e foi marcado pela presença de diversas pessoas famosas, bem como executivos da companhia.

O Samsung Galaxy S7 chega para substituir o Galaxy S6, que já estava no mercado desde o mês de abril do ano passado. Assim como no modelo anterior, o smartphone topo de linha da fabricante sul-coreana chega em duas versões, sendo que umas delas possui tela com curvatura na borda, enquanto a outra ficou com o antigo display tradicional reto.

Os materiais de confecção destes smartphones continuaram sendo os mesmo, ou seja, o vidro Gorilla Glass 4, que é reforçado com um contorno de metal. O aparelho neste primeiro momento será disponibilizado nas cores prata, preto e dourado, contudo, outras cores devem ser anunciadas em breve.

Apesar das resoluções das duas versões do S7 serem iguais (Quad HD 2560 por 1440 pixels), elas se diferem no tamanho da tela, haja vista que o S7 comum possui uma tela de 5,1 polegadas, já a versão Edge do S7 tem a tela um pouco maior com 5,5 polegadas.

Com relação às configurações utilizadas nas duas versões, elas são idênticas, tendo em vista que ambos possuem memória RAM de 4GB, processador Exynos modelo 8890 octa-core e armazenamento interno de 32 GB, com possibilidade de expansão de até 200 GB por meio da utilização de um cartão microSD. A câmera frontal do aparelho tem a resolução de 5 MP, já a traseira tem uma resolução de 12 MP.

As vendas deste novo modelo da Samsung serão iniciadas oficialmente a partir do dia 02 de abril, tanto nas lojas quanto nas operadoras, sendo que os preços sugeridos pela fabricante são de R$ 3.799 para o S7 e de R$ 4.299 para o S7 Edge.

Por Adriano Oliveira


Novo smartphone da Samsung terá poucas mudanças se comparado com seu antecessor e deverá ser apresentado antes da MWC 2016.

A página oficial da Samsung Indonésia recebeu nesta semana atualizações com vídeos e fotos que revelaram informações inéditas a respeito dos modelos de smartphones Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge.

No vídeo divulgado pela empresa é possível acompanhar um atleta utilizando o smartphone no decorrer de um treino. Até aí tudo bem, não é mesmo? Bom, o diferencial encontra-se no fato de que o uso do aparelho acontece sob forte chuva. A mídia divulgada confirma os rumores de que os novos modelos seriam à prova d’água. Apesar da novidade, ainda não é possível estabelecer qual seria o grau de impermeabilidade. Outro ponto explorado é a alta compatibilidade com smartwatches desenvolvidos para a realização de atividades físicas.

Já no quesito design, os novos modelos não terão grandes modificações. Os aparelhos contam com diferenças sutis em relação ao Galaxy 6 e Galaxy S6 Edge. É possível perceber que a parte traseira do smartphone é mais arredondada e a câmera menos saliente. Muitas fontes afirmam ainda que o suporte para cartões microSD (que possibilita a expansão da memória do dispositivo) também estará presente.

Outra informação é que os cartazes de divulgação dão destaque aos diferenciais de design e segurança, além da nova câmera, que pretende conquistas os usuários por sua capacidade de conseguir boas fotos em ambientes que contam com baixa luminosidade.

O Galaxy S7 Edge teve também as opções de cores reveladas, o modelo chegará ao mercado nas variações dourado, preto e prata.  

Embora os detalhes e especificações técnicas ainda não tenham sido confirmados, os vazamentos mais recentes apontam que o Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge devem usar, de acordo com o mercado, 02 opções de processadores, o Snapdragon820 e o Exynos8890. Existem ainda outras informações que revelam display de 1440×2560 pixels, 64 GB de memória interna, 04 GB de memória RAM, câmera frontal de 5 MP e traseira de 12 MP.

De maneira geral, o S7 promete ser um aparelho da plataforma Android com quantidade maior de recursos. Acredita-se que a principal diferença entre os dois modelos será o tamanho do display, que chegará aos consumidores com 5,1 ou 5,5 polegadas.

Os novos Galaxy S7 serão lançados oficialmente em Barcelona, no dia 21 de Fevereiro, no Samsung Unpacked, a revelação acontecerá antes da MWC (Mobile World Congress). 





CONTINUE NAVEGANDO: