App Sentinela é um elo entre o agente de segurança pública e a comunidade do local de Viana, no Espírito Santo.

Com as constantes inseguranças nos estados brasileiros, a cidade de Viana, no Espírito Santo, utilizou da tecnologia para combater o mal e lançou no dia 1º de julho, às 17h, uma nova ferramenta que busca contribuir com a segurança pública no município.

Nomeado de “Sentinela”, o aplicativo, que estará disponível para ser usado nos celulares, será um elo entre o agente de segurança pública e a comunidade do local, otimizando o trabalho do Centro Integrado de Videomonitoramento de Viana, o CIM.

A utilização da ferramenta é muito simples, porém só funciona em aparelhos que possuam o sistema operacional Android. Porém, a expectativa da Prefeitura Municipal é de que este já seja liberado na próxima semana para sistemas iOS.

Para o download, basta acessar o Google Play e buscar por “Sentinela”. Quem tiver a ferramenta e estiver nas áreas da cidade monitoradas pelas câmeras, englobando tanto as vítimas ou testemunhas de algum delito ou outro ato criminoso, poderá através do aplicativo do celular, acionar o CIM da Prefeitura de Viana.

Atualmente, a cidade conta com quarenta câmeras que estão distribuídas nos mais diversos pontos dos catorze bairros e, ainda, em trechos da BR 262 que perpassa a cidade. É importante saber também que, quem for acionar a ferramenta ainda poderá relatar detalhadamente sua denúncia, bem como a localização em que esta foi realizada ou testemunhada.

Uma iniciativa interessante e que busca a participação ativa da população nas ações de segurança junto ao Centro Integrado de Videomonitoramento da cidade, acionando este em caso de necessidade e outros motivos legais a Polícia, o projeto garante ainda que preservará a identidade de quem eventualmente fizer alguma denúncia ou identificação.

Ainda, este aplicativo é importante no que se refere à interação do cidadão com o que acontece na cidade em termos de ações criminosas. Porém, não exclui em momento nenhum a utilidade do telefone 190, sendo que as ocorrências ainda podem ser registradas também por este canal.

Com este investimento, espera-se que a Prefeitura Municipal de Viana sirva de exemplo e que mais cidades invistam em infraestrutura e tecnologia para a área de segurança pública. Dessa forma, o celular se mostrou muito importante no que se refere ao cuidado dos espaços públicos e das pessoas envolvidas ali de forma mais eficaz e ágil.

Por Kellen Kunz

App Sentinela

Foto: Divulgação


Nova versão do teclado traz informações sobre o uso dos usuários.

O aplicativo SwiftKey é um dos preferidos entre os usuários que preferem um teclado de terceiros ao tradicional teclado do sistema Android, sendo que recentemente o aplicativo foi comprado pela Microsoft, que garantiu que ele continuará com suporte a outros sistemas que não o Windows Phone, como o Android e o iOS. Por isso, foi lançada uma atualização que trás uma novidade já prometida há 2 meses, que mostra uma série de dados a respeito do uso do aplicativo.

Trata-se do SwiftKey Stats, que mostra dados a respeito da digitação, assuntos e até mesmo os emojis mais utilizados pelo usuário no aplicativo, para mostrar o quanto o teclado aprende conforme você passa a utilizar mais palavras no app.

O sistema também irá mostrar aos usuários as palavras aprendidas pelo teclado inteligente com o usuário e também o tempo poupado de digitação, graças ao aplicativo, para mostrar o quão útil o app é para os usuários que o utilizam.

A atualização foi disponibilizada oficialmente para os usuários na quinta, dia 10 de março, para os usuários do Android. Se você utiliza o aplicativo mas ainda não recebeu nenhum tipo de atualização, basta esperar, pois alguns usuários ainda receberão a atualização que está sendo feita de maneira gradual.

Serão ao todo 4 novas funcionalidades, como o caso dos dados sobre ''Assunto'', que mostrará os assuntos o qual o usuário mais conversa com seus amigos graças ao reconhecimento inteligente do teclado, sendo que tudo é separado em categorias e tópicos. Já o ''Top Emoji'', mostrará quais são os emojis que o usuário mais utiliza, por meios de tags em um nuvem, onde os maiores emojis são aqueles o qual você mais utiliza, sendo que o sistema ainda contará com outro recurso para os emojis, o ''Emojis Assinatura'' , que irá mostrar qual emoji você usa muito mais do que os outros usuários, não sendo o que você mais utiliza no geral, mas sim porque uma média de uso de emojis entre os usuários é criada pelo sistema e a função mostra qual emoji você utiliza muito mais do que os demais usuários.

A última novidade diz respeito ao Vocabulário de palavras aprendidas pelo aplicativo com você, exibindo o número e as palavras que o SwiftKey aprendeu com o seu uso.

Por João Trajano


Nova versão do aplicativo foi liberada apenas para desenvolvedores e ainda traz muitos bugs. Problemas devem ser solucionados antes da liberação da versão definitiva do app.

Quem é dono de um celular com Windows Phone está cada vez com mais novidades para o WhatsApp. Os desenvolvedores do aplicativo de envio de mensagens aceleram as atualizações para o mesmo, sendo que muitas delas chegam antes das versões para o Android.

Na Windows Store foi disponibilizado um update da edição beta do app. Com isso, alguns usuários que fazem parte do grupo de testes vão poder verificar as alterações que se encontram na versão 2.12.278 antes que ela seja liberada para todos os usuários.

Nas imagens que foram divulgadas, as mensagens que agora são enviadas por um usuário no WhatsApp vão ficar agrupadas para que seja evitado que você necessite ficar sempre lendo qual é o remetente. Isso será bom para os grupos do aplicativo que você participa. Nos testes que foram feitos, essa atualização facilitou a verificação dos textos nos chats que são bem movimentados. As coisas ficam mais organizadas e também mais facilitado para entender a conversa.

A atualização, porém, conta com alguns bugs que podem deixar incomodados alguns dos usuários, pois nos testes isso atrapalhou ligeiramente a experiência no uso geral do WhatsApp. Para esta versão as mensagens que são enviadas não exibem o ícone que aponta que o texto chegou ao seu destino e a segunda que foi feita a leitura. Para que esse bug seja solucionado, o usuário necessita voltar até a página de conversas e tudo é atualizado com o status real.

Outro problema é que os envios de áudios que foram recebidos não mostram o tempo de andamento do mesmo na sua reprodução, apenas o ícone do Play que fica mantido. Para fotos e vídeos também é necessário esperar até que você baixe por completo o arquivo para averiguar mais sobre o progresso do mesmo. Ou seja, os bugs ainda são muitos e chatinhos.

Estes e outros problemas deverão ser resolvidos na próxima atualização do WhatsApp, que deverá chegar em breve para a loja do Windows Phone. Atualmente somente um restrito grupo de usuários pode baixar a versão beta do app para o teste. No mais, os usuários desta plataforma da Microsoft podem aguardar, pois terão boas novidades para o aplicativo.


App irá armazenar relatos de experiências de maneira colaborativa dos serviços oferecidos pelas empresas de telefonia móvel.

A Anatel – Agência Nacional de Telecomunicações – lançou a atualização de seu aplicativo. Batizado de Anatel Serviço Móvel, o download é totalmente gratuito e os usuários podem compartilhar experiências quanto aos serviços oferecidos por empresas de telefonia móvel.

Já estão disponíveis as versões para Android e iOS respectivamente por meio da Google Play e Apple Store. A empresa informou também que em breve a versão para Windows Phone estará pronta.

O app pretende armazenar relatos de experiências de maneira colaborativa. Será possível comunicar problemas como falta de sinal, conexão instável, ligação ruim, queda de sinal ou chamada, entre outros. Os dados ficarão a mostra por meio de um mapa com as referências que contemplarão os últimos 30 dias de atualização.

Os relatos serão mantidos em banco de dados e posteriormente compilados a fim de proporcionar avaliação com as empresas prestadoras do serviço para análises e resoluções.

Um ponto importante que merece esclarecimento é que o uso do app não gerará um número de protocolo nem tampouco substituirá as queixas registradas na Anatel. Caso a ação seja necessária, o procedimento adotado é o mesmo de antes e deverá ser realizado por meio dos canais oficias de comunicação.

Para quem ainda não sabe, vale lembrar que já existe um aplicativo com esse intuito, ele se chama Anatel Consumidor e já está disponível para os três sistemas operacionais do mercado.

Antes da instalação da nova funcionalidade o app já possibilitava a consulta da qualidade do serviço de internet e de voz em todas as cidades brasileiras. Dessa maneira, o usuário pode verificar a disponibilidade de tecnologias 3G e 4G para cidades de destino. Esse tipo de informação é muito importante para quem pretende viajar e não deseja sofrer com imprevistos.

Há ainda, um ranking das operadoras que foi montado com base nos indicadores que mensuram quedas, conexão interrompidas, velocidade e acessibilidade. Outro benefício é a consulta do histórico que pode ser acessada em períodos de até 12 meses.

Por Beatriz 

Anatel Serviço Móvel

Foto: Divulgação


App já estava disponível para usuários do sistema iOS e chega ao Android com as mesmas funcionalidades.

Nesta segunda-feira, a Adobe disponibilizou um novo aplicativo para usuários do sistema móvel do Google, o Android. Trata-se do Adobe Premiere Clip, um editor de vídeo destinado a dispositivos móveis. O app já estava disponível para usuários do iOS há mais de um ano e finalmente chega para os aparelhos Android.

Assim como era de se esperar, o Premiere Clip realiza edição simples de vídeos. Portanto, não espere funções complexas presentes nos editores de vídeo em desktops. O Adobe Premiere Clip para usuários Android tem as mesmas funcionalidades da sua versão para o sistema móvel da Apple, o que deve deixar os usuários contentes.

O aplicativo permite que o usuário crie de maneira rápida e simples diversos vídeos, dos mais variados tipos e gostos. É possível adicionar fotos, músicas e outros vídeos durante o processo de edição. Sendo assim, ele não é tão simples como outros aplicativos de edição.

Para usuários amadores, o Adobe Premiere Clip é uma excelente alternativa gratuita. Ele está disponível na loja de aplicativos do Android, a Google Play. O app é uma excelente maneira da Adobe trazer a marca Premiere para os dispositivos móveis sem perder a qualidade tradicionalmente conhecida nos computadores.

O software fornece algumas ferramentas robustas para edição que irão satisfazer a maioria dos usuários. Outro recurso disponível é a sincronização por meio da suíte Premiere. É possível continuar o processo de edição no computador, por exemplo. Para isso, basta sincronizar o vídeo na nuvem e acessá-lo a partir de outro dispositivo que tenha o software da Adobe instalado. 

Vale ressaltar que este é o primeiro app de edição de vídeos oferecido pela Adobe para Android. A empresa já havia investido na plataforma da Apple, onde obteve sucesso. Conhecida por seus softwares de criação; como Illustrator, Photoshop, Flash, entre outros; a Adobe está investindo em aplicações móveis para suprir a demanda de usuários em tais dispositivos.

Por William Nascimento


Globo Play é um aplicativo desenvolvido para computadores, smartphones e tablets permitindo que os telespectadores da Rede Globo assistam toda a programação em tempo real.

A maior emissora do país, a Rede Globo, lançou nesta terça-feira (3), uma plataforma digital de vídeos que permite os telespectadores a assistirem em tempo real toda a programação da emissora através de computadores, celulares e tablets. Para os fãs do canal que acabam perdendo os seus programas prediletos, suas novelas preferidas e até mesmo se informar das principais notícias dos telejornais, devido ao trânsito, ou por estarem no trabalho, na rua, ou em qualquer lugar por motivos adversos, poderão aproveitar a programação quando quiser.

É uma estratégia para não perder o público do canal, que devido à rotina corrida, acaba encontrando outras formas de se entreter na internet, como ficar em redes sociais ou YouTube, assistindo até mesmo a programação da emissora, mas com transmissão pirata.

É uma iniciativa para tentar frear a queda de audiência que vem se acentuando nos últimos anos, e também para continuar na liderança, tendo a preferência total dos telespectadores em todos os meios de comunicação.

Para ter o acesso a todos os destaques do dia e o que está no ar ao vivo, o telespectador também poderá rever programas de outros dias e assistir toda a programação da emissora.

A Globo disponibiliza todas as suas produções desde 2010. Basta baixar o aplicativo gratuitamente. Telespectadores das principais regiões, como a Grande São Paulo e Rio de Janeiro, poderão assistir a programação ao vivo e não só os destaques, utilizando o cadastro e a senha da Globo.com. Para quem for assinante poderá ver toda a programação na íntegra, além de acompanhar o Big Brother Brasil.

A facilidade de levar a TV para onde o telespectador estiver é uma forma de não abandonar os telemaníacos do seu entretenimento favorito e com a chegada do aplicativo, a nova novela das 19h, Totalmente Demais, que começará na TV no dia 9 de novembro, mas no aplicativo e no portal Gshow, o capítulo zero será exibido antes mesmo da estreia, do capítulo 1. É a primeira vez que isso acontece.

O Globo Play oferece trechos dos melhores momentos das novelas, séries e minisséries, assim como programas e telejornais esportivos gratuitamente, mas para os assinantes da Globo.com o acesso é na íntegra, a assinatura custa R$ 12,90.

Por Diego Jose Laureano

Globo Play

Foto: Divulgação


Novo app tira várias fotos consecutivas e usa as mesmas para criar um vídeo, similar a m GIF.

O Instagram, rede social de fotos destinada aos usuários de Android e iPhone, anunciou o lançamento de mais um app. Este app, que fará parte da plataforma, chama-se Boomerang.

O novo app é capaz de tirar várias fotos consecutivas (dez fotos precisamente) e usa as mesmas fotos tiradas para criar uma sequência cronológica para criar um vídeo, o que é bem similar a um GIF (Graphics Interchange Format ou formato de intercâmbio de gráficos), criados nos anos 80 como uma opção mais leve de formatos curtos de vídeo em cores.

Atualmente, os GIFS estão populares em posts pelo Facebook. Com a opção trazida pelo novo app do Instagram, os pequenos vídeos serão publicados em grande escala também na plataforma do Instagram.

A grande diferença entre os GIFs e os vídeos produzidos pelo Boomerang é que neste a animação é exibida em looping após o usuário clicar para reproduzir o vídeo.

As fotos podem ser tiradas nos modos retrato ou paisagem para criar os vídeos. Logo após, o usuário terá a opção de compartilhar as criações no Instagram. O novo App já está disponível pelos sistemas operacionais Android e iOS.

A família Instagram já disponibilizou outros Apps, como o Hyperlapse, App que produz vídeos em timelapse (em tempo acelerado) e também o App Layout, capaz de realizar montagens com diversas fotos em uma moldura.

Outra evolução trazida pelo Instagram é a melhoria na resolução das fotos. Agora, os usuários poderão tirar fotos com o tamanho 1080 x 1080. Inicialmente, o Instagram disponibilizava o compartilhamento de fotos com resolução de até 640 x 640, o que foi decisivo para a sua popularização, uma vez que a internet móvel da época não disponibilizava uma conexão com a mesma qualidade dos dias de hoje.

Agora os usuários podem desfrutar de vários apps da família Instagram que oferecem a criação e edição de fotos e pequenos vídeos com resolução HD.

Por André César

App Boomerang

Foto: Divulgação


App permite nova visualização em tela cheia, possibilidade de filtrar resultados e pesquisa por voz

O Google Maps se trata de um dos grandes produtos da empresa. Atualmente, o aplicativo recebeu uma nova atualização que possibilita exibir comentários nos locais onde esteve presente. Neste momento, os usuários do aplicativo receberão mais algumas funcionalidades, onde a empresa disponibilizou uma atualização com muitas novidades.

Recentemente, o Google Maps teve uma atualização que apresentou alguns recursos novos. Neste momento, o aplicativo tem a possibilidade de renderizar os modos na forma tela cheia, para ampliar as possibilidades de visualizações dos consumidores, onde desta forma também é mais simples traçar rotas. Para ver o mapa em tela cheia, basta clicar na parte vazia do Goole Maps.

A empresa também implementou a possibilidade de filtração de resultados. Caso o usuário estiver buscando restaurantes qualificados, terá a possibilidade de optar somente entre os que já foram verificados pelo Zagat. No território brasileiro, isso não terá um funcionamento qualificado, uma vez que possivelmente não existe nenhum restaurante verificado pelo serviço no Brasil.

Somado a tudo isso, neste momento é possível realizar a pesquisa por voz, onde desta forma será mais simples a busca por locais e obter direções. Para usar a funcionalidade, é necessário somente clicar no ícone microfone, dizer “directions to” e falar o local para onde deseja ir. De forma negativa, esta funcionalidade também ainda não está em funcionamento em português.

É esperado que as alterações sejam feitas no território brasileiro, algumas ainda não poderão ser usadas. Entretanto, possivelmente o Google fará a localização em algum prazo no futuro.

O Google Maps 9.4 implementou o Local Guides. A funcionalidade possibilita os usuários terem proveito dos comentários que são postados nos lugares e pontos de interesse, similar à forma que é realizada no Yelp e Foursquare.

O Google também implementou um sistema de badges, para pessoas que possuem confiança. Após alcançar o número de 50 comentários, o usuário tem um “crachá” de guia.

Por Felipe Couto de Oliveira

Atualização do Google Maps

Foto: Divulgação


Como prometido pelo WhatsApp há algum tempo, o serviço de ligações VoIP através do aplicativo começou a funcionar neste último final de semana aqui no Brasil. A função já estava em fase de teste na Índia, porém, agora usuários brasileiros começaram a receber uma atualização que habilita o recurso.

No entanto, como toda novidade no meio virtual que atinge milhões de usuários, a disponibilidade do serviço será feita aos poucos.

Primeiramente, o recurso de chamadas de voz está disponível apenas para usuários do app no sistema operacional Android. Quem utiliza iOS ou Windows Phone terá que aguardar um momento, até que a função seja disponibilizada para essas plataformas.

A introdução do serviço veio com a última versão de atualização do aplicativo. Porém, nem todos os usuários conseguiram atualizar o programa diretamente pela Google Play, precisando fazê-lo através do site oficial do WhatsApp para Android.

Além disso, para que o recurso de chamada de voz seja habilitado no smartphone do usuário, é necessário que algum contato que foi “premiado” com o recurso durante a atualização realize uma chamada para este contato, que então passará a possuir também o recurso e assim poderá propagá-lo.

Vale lembrar que isso está funcionando apenas entre usuários Android. Caso haja uma tentativa de ligar para um contato que utilize outro sistema operacional, uma mensagem de erro será recebida informando que o dispositivo do contato não está pronto para receber o recurso.

De acordo com relato de alguns usuários, o serviço ainda tem vários problemas, que às vezes dificultam a sua utilização. Foi relatado atraso na voz dos usuários, além de muitas vezes a chamada simplesmente não ser completada ou um dos indivíduos que estão em ligação não escutar o outro.

Com essa atualização, o WhatsApp avança mais uma fronteira no mundo virtual, passando a competir diretamente com outros aplicativos que fornecem esse tipo de serviço, como o Viber e o Skype, inclusive com as próprias operadoras.

Certamente o serviço estará disponível para todos os usuários em breve, porém a empresa ainda não fez nenhum comunicado oficial com datas quanto a isso.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


O aplicativo Libon promete um feito histórico aos usuários. O Libon recebeu uma nova funcionalidade que promete revolucionar o mercado, pois a nova opção permite que o usuário consiga receber uma chamada mesmo quando a operadora não oferece sinal. O recurso é chamado de "Reach Me" ou "Siga-me" e conta com tecnologia VoIP para conseguir realizar esta proeza! Através da conexão Wi-Fi o recurso utiliza a tecnologia VoIP para garantir que a chamada seja feita, em áreas onde não haja sinal da operadora.

O "Reach Me" foi apresentado na MMC 2015, realizada recentemente em Barcelona e que trouxe muitas novidades para o mercado, como esta, que promete acabar com o problema da falta de sinal, em países como o Brasil onde os usuários estão sempre reclamando que não puderem efetuar ou receber uma ligação devido ao fato do aparelho não conseguir sinal da operadora.

E o usuário ainda conta com outro recurso interessante que é o de direcionar as chamadas recebidas para uma caixa postal. E este serviço funciona em qualquer rede, graças à sua capacidade de adaptar-se às mais diferentes infraestruturas de cada país.

Primeiramente, o "Reach Me" será disponibilizado para o Android e só depois de algum tempo é que os usuários do iOS poderão contar com este importante aplicativo que vai sanar a falta de sinal para milhões de usuários.

A promessa de Dominic Lobo, CEO da empresa responsável pelo aplicativo é que este recurso será disponibilizado gratuitamente, mas isso será feito de país em país e será preciso um determinado período para que o "Reach Me" possa estar disponível mundialmente. Ainda de acordo com Dominic é preciso uma série de ajustes no aplicativo, para que ele funcione bem em cada país, pois cada região conta com uma determinada tecnologia, tem infraestrutura melhor ou pior, então não basta disponibilizar o "Reach Me" é preciso que a empresa tenha feito todos os testes para garantir que, de fato, o usuário poderá contar com as vantagens deste app.

O "Reach Me" vai começar pela Itália e provavelmente irá em seguida para outros países da Europa.

Por Russel

Libon

Foto: Divulgação


Um dos programas de planilhas eletrônicas mais procurados do mundo é, sem sobra de dúvidas, o Microsoft Excel. Com muitas opções de edição, interface bastante intuitiva e muitos recursos para o usuário, esse se tornou um dos principais softwares quando o assunto é planilha. E visando oferecer ainda mais praticidade para o usuário, foi lançado o Microsoft Excel Preview. Isso mesmo, trata-se de uma versão para Android. Dessa forma, você não precisa esperar estar na frente de seu PC para criar ou editar suas planilhas.

Caso esteja interessado em utilizar este software, saiba que será bastante simples, pois o mesmo é oferecido de forma gratuita. E para ter acesso ao mesmo será necessário que o usuário efetue a conexão com sua conta no Outlook ou se preferir a sua conta que você utiliza para ter acesso ao Windows 8. Após fazer a conexão o usuário terá acesso a todos os recursos que este programa oferece. Com isso, já poderá iniciar a edição de seus documentos através de seu Android.

E para quem está na dúvida é importante destacar que a versão para Android é bastante fiel à versão desktop. Ou seja, a interface é bastante similar, bem como a organização das opções de edições e os recursos disponíveis para edição de sua planilha. Além disso, uma notícia muito interessante é que através da versão para Android será possível acessar seus documentos no OneDrive ou Dropbox.

A montagem da planilha é bastante parecida com a versão desktop. Inicialmente o usuário terá de escolher entre criar um novo arquivo em branco ou utilizar um dos modelos disponíveis na biblioteca. O usuário irá encontrar todas as opções de edição no topo da tela. Além disso, também é possível encontrar opções alternativas abertas no menu de contexto.

A boa notícia é que Microsoft Excel Preview é disponibilizado de forma gratuita pelo seu desenvolvedor. Dessa forma, para fazer o download do aplicativo acesse o site oficial Baixaki. O mesmo é compatível com Android 4.4 ou versões superiores.

Por Bruno Henrique

Excel Preview para Android

Foto: Divulgação


O Google lançou a atualização do seu Google translate, aplicativo disponível para plataformas IOS e Android, o qual vem revolucionar o mundo dos app para tradução.

O novo Google Tradutor vem equipado com uma ferramenta de reconhecimento de voz, que permite ao usuário uma experiência bem parecida com uma conversa no ato de traduzir. Para isso, o aplicativo faz uso microfone embutido em seu smartphone.

Outra novidade, a qual contribuirá muito para os turistas, é a chamada função Wordl Lens, que utilizando-se da câmera do seu smartphone, você fotografa o cardápio de um restaurante, por exemplo, e o app faz a tradução, mesmo não estando conectado à Internet. Segundo o site Tecnoblog, de acordo com informações do Google, a tradução instantânea por imagens funciona do inglês para alemão, espanhol, francês, italiano, português e russo (e vice versa), mas a empresa já trabalha para ampliar o número de idiomas e combinações suportadas.

Segundo o blog America Bits, integrante do The New Yor Times, a utilização de um scanner visual é bem familiar, lembrando da recente aquisição da Quest Visual pelo Google, cuja qual é a desenvolvedora da tecnologia.

Com a nova atualização, o tradutor do Google atinge a marca de 90 línguas disponíveis para a serem utilizadas com o app.

Segundo o blog Bits, em análise e testes ao novo aplicativo, o app funciona melhor com frases curtas e sem utilização de jargões. Sendo importante destacar que as traduções de áudio, o app leva um certo tempo para terminar o processo. No entanto, isso não é um ponto negativo, afinal desenvolver um aplicativo que reconheça automaticamente o idioma, considerando os sotaques e particularidades de cada idioma, constitui-se num enorme trabalho e desafio para desenvolvedores do ramo.

Com tal lançamento, certamente, as fronteiras postas pela Língua, aos poucos será quebradas, promovendo a liberdade e facilidade de comunicação a todos, num processo democrático.

Já é possível baixar o app. Se você usa o sistema Android, clique aqui. Agora, se você quer a versão para IOS, acesse: itunes.apple.com.

Por Thiago José Fernandes

Google Translate


Existem aplicativos que oferecem grandes possibilidades para a facilitação da vida do usuário. Pode-se citar o InSpy, que possibilita o controle das atividades dos amigos no Instagram.

Outro aplicativo que tem importância é o Air Scanner, que possibilita utilização do aparelho em uma câmera remota, além do Microsoft Xim, que permite o compartilhamento de fotos com os amigos. Veja seguir mais detalhes dos aplicativos.

–  InSpy (gratuito)

Este aplicativo permite o controle no Instagram e acompanhamento de todas as atividades dos amigos nesta rede. Através dele, os usuários têm a possibilidade de visualizarem curtidas e comentários dos seus contatos, podendo ter conhecimento se um amigo der um like ou comentar fotos no aplicativo.

Foto: divulgação

– Air Scanner (U$$ 0.99)

O Air Scanner permite a utilização do aparelho como câmera remota, sem a necessidade de nenhuma instalação no computador. O acesso à câmera é fácil, podendo ser utilizado qualquer navegador. Somado a isto, o aplicativo necessita de nenhuma configuração.

A qualidade da imagem fornecida é de acordo com o dispositivo utilizado. De forma comum, ela é exibida a 720p HD no iPhone 5 e 1080p em novos aparelhos.

– Microsoft XIM (gratuito)

Os usuários que buscam uma forma de compartilhar suas fotos em diversificados lugares têm a possibilidade de alcançar isto utilizando o Microsoft Xim. Através dele, o usuário tem a possibilidade de selecionar até 50 fotos do seu aparelho, Facebook, OndeDrive, Instagram ou do Dropbox, sendo possível que selecione uma ou mais de cada local.

Dessa forma, o aplicativo gera um link com uma apresentação de slides destas imagens para o envio do usuário para seus amigos, através de e-mail ou de número de celular.

– 99Taxis (gratuito)

Este aplicativo permite a alternativa de GPS ativada no celular para achar o táxi mais próximo e chamá-lo até o local do usuário.

Por Felipe Couto de Oliveira


Vários apps para Windows Phone foram destacados recentemente. O consumidor do Netflix, como exemplo, possui no momento atual uma interface remodelada, suporte a perfis diversificados uma integração melhor com o sistema da Microsoft.

O Shazam, por sua vez, teve otimizações quanto à sua performance com música.

O aplicativo do Netflix para Windows Phone teve um grande aprimoramento. Sem contar a moderna e estruturada interface, o app permite no momento atual suporte a perfis, além de uma ferramenta que está em diversas plataformas, possibilitando comunicar o serviço às pessoas que estão vendo um filme.

Outro detalhe novo é uma integração mais qualificada com o sistema, possibilitando estabelecer uma live tile na página inicial com o seu título escolhido. Desta forma, você pode ter acesso a sua série e filmes em menor tempo, com mais eficácia.

Para as pessoas que utilizam a Cortana, é possível, no momento atual, a realização de pesquisas por meio da assistente pessoal do sistema.

Você tem dificuldade para ter concentração em seus afazeres devido ao seu smartphone? O aplicativo Forest possibilita acabar com esta barreira. De forma simpatizante e leve, o aplicativo “planta” uma árvore no smartphone ao longo de meia hora a induzir que o usuário não use o aparelho, caso o contrário, a árvore irá morrer.

Cada momento seguido de acordo com o aplicativo permitirá o crescimento de uma floresta, onde o usuário terá a possibilidade de visualizar o período de tempo economizado sem que tenha feito uso do dispositivo.

O aplicativo Shazam se destacou por receber atualizações recentemente. De início, o aplicativo alterou sua interface, de forma que se tornasse mais efetivado no sistema da Microsoft. Somado a isto, o app teve a adição de atualizadas páginas com letras músicas, links e vídeos para a Xbox Music Store, possibilitando o download de discos em menor tempo.

Além disso, a identificação de músicas está mais efetiva e o app tem a possibilidade de ser aberto de forma mais rápida.

Por Felipe Couto de Oliveira

Foto: divulgação


A Nokia disponibilizou nesta quarta-feira (10) o tão aguardado HERE Maps para aparelhos equipados com o sistema Android. Essa é, certamente, uma ótima alternativa para a popularização do excelente app.

Recentemente a versão beta havia vazado para usuários da plataforma do Google, mas somente agora o aplicativo chega oficialmente na Play Store. Pelo que parece, o HERE Maps roda a partir da versão 4.1 do Android. 

Antes, para instalá-lo, o usuário tinha que habilitar a opção "Fontes desconhecidas" (ou equivalente) nas configurações de segurança do sistema e fazer o download de um arquivo APK.

Agora, basta acessar a Play Store e realizar o download normalmente, como é feito em outras aplicações.  

Durante o tempo que o APK vazou até o lançamento oficial, o aplicativo foi baixado por cerca de 1 milhão de usuários, a maioria oriundos dos Estados Unidos e da Alemanha. Isso mostra o quanto o aplicativo é bem visto pelos usuários que precisam se orientar no trânsito e em viagens.

A expectativa é de que, a partir de agora, a ferramenta se popularize no mundo todo, visto que o Android corresponde a maioria da fatia do mercado de smartphones.  

O HERE Maps para Android oferece, por exemplo, informações em tempo real sobre transporte público e trânsito em cerca de 800 cidades, download de mapas de mais de 100 países para uso offline, orientação curva a curva guiada por voz, além da funcionalidade Glympse, que permite encontrar amigos em determinado local.  

Para que o app chegasse oficialmente à loja de aplicativo Android, houve correções de bugs e ajustes de desempenho em relação ao APK disponibilizado em outubro, o que deve ter aumentado a quantidade de aparelhos compatíveis com a aplicação.

A Nokia anunciou que o HERE Maps para iOS está nos planos da empresa. Em 2013, o aplicativo foi retirado da App Store por problemas de compatibilidade. O retorno ao iPad e iPhone está previsto para o início do próximo ano.

Por William Nascimento

Foto: divulgação


Hoje em dia muitas pessoas utilizam os chamados aparelhos portáteis como, por exemplo, o smartphone. O mesmo é bastante prático e dispõe de muitas funcionalidades e ferramentas.

Mas, vale destacar, que a facilidade em se deslocar com esse aparelho também facilita a ação de ladrões e pessoas com intenções duvidosas. Dessa forma, é sempre recomendável que o usuário tenha um cuidado a mais, pois toda segurança é bem-vinda.

Para aqueles que possuem um aparelho portátil e estão em busca de mais segurança, saibam que uma excelente indicação é o aplicativo Secret Control – Anti-theft.

Esse aplicativo é muito interessante, pois o mesmo possui um mecanismo de proteção contra roubo e demais atividades suspeitas contra o seu smartphone. Confira mais detalhes sobre este aplicativo na continuação desta matéria.

Um dos grandes destaques é justamente quanto ao alarme disponível, o mesmo será acionado sempre que alguém tentar desbloquear o aparelho de forma consecutiva e sem sucesso. Além disso, o app também tira fotos do bisbilhoteiro, ou seja, você poderá saber quem está tentando ter acesso às suas informações.

Portanto, esse aplicativo é bastante indicado para aqueles que estão em busca de segurança extra, ou até mesmo aqueles que buscam se prevenir de certos imprevistos. Se você possui informações confidenciais em seu aparelho, saiba que é extremamente recomendável ter um aplicativo com esses serviços em seu Android.

E dentre os seus serviços, também devemos destacar uma função bem interessante: o aplicativo é programado para enviar notificações de status, localização, fotografias e demais informações para o seu email. Logo, se você foi furtado ainda terá chances de recuperar seu aparelho. 

Além disso, o aplicativo também conta com diversas outras opções que podem ser ajustadas de acordo com a preferência do usuário, bem como suas necessidades.

Secret Control – Anti-theft possui uma interface bastante amigável e muito bem organizada, algo muito importante e que irá facilitar bastante a sua navegação. O usuário conta com várias opções de personalização, ativamento fácil, interação com seu email e etc.

O app é disponibilizado de forma gratuita e pode ser baixado através do site oficial Baixaki. O mesmo é compatível com Android 3.0 ou superior.

Por Bruno Henrique

Foto: divulgação


Os aparelhos portáteis vêm ganhando cada vez mais destaque no cenário mundial. Porém, os computadores não podem ser deixados de lado, haja vista oferecerem ainda mais opções de funcionalidades e serem bastante úteis.

E se você quer mesclar os dois serviços, sim, isso é possível através de aplicativos como, por exemplo, Microsoft Remote Desktop Beta. Mais detalhes sobre este app serão encontrados na continuação desta matéria.

Para quem ainda não o conhece, Microsoft Remote Desktop Beta é nada menos que um software que permite que o usuário tenha acesso remoto a um computador. Esse tipo de atividade pode ser realizada através de qualquer sistema Android que tenha o aplicativo instalado.

A praticidade desse serviço é um dos pontos positivos do mesmo, haja vista não ser necessária a criação de contas no aplicativo.

Para contar com os serviços desse app, basta instalar o mesmo e, logo em seguida, cadastrar as máquinas desejadas. Vale ressaltar que esta é uma versão de testes e desenvolvimento, por isso, em certo momento algum serviço pode não funcionar como o esperado.

Além disso, outro grande destaque deste aplicativo é justamente quanto à facilidade em usá-lo. Um ótimo exemplo disso é que, após instalar o mesmo, o app já será redirecionado para a tela principal e solicitar que o usuário cadastre as máquinas desejadas para o acesso remoto.

Saiba que essa é uma opção manual, ou seja, você terá de adicionar as máquinas. Mas não se preocupe, pois é bastante simples, basta pressionar o botão “+” e selecionar a opção “Desktop”.

Após o usuário realizar os passos descritos acima, será aberta uma nova tela. Através dessa tela será possível cadastrar o PC que você desejar, para isso, o usuário deve inserir o IP ou nome do servidor do respectivo PC.

Após isso, será possível escolher entre a opção de conexão imediata ou até mesmo que o app solicite as credenciais daquela máquina na próxima conexão, tudo fica à critério do usuário.

O aplicativo é disponibilizado de forma gratuita através do site oficial Baixaki. O mesmo é compatível com Android 4.0 ou versões posteriores.

Por Bruno Henrique

Foto: divulgação


Se você utiliza seu smartphone com frequência durante o dia, deve encontrar dificuldades em mantê-lo funcionando com apenas uma carga em sua bateria. A autonomia de bateria dos aparelhos móveis tem sido o “calcanhar de Aquiles” de diversos modelos disponíveis no mercado.

Seja qual for o sistema operacional (iOS, Android, Windows Phone, Firefox OS, entre outros), todos precisam melhorar neste respeito.  

As atuais desenvolvedoras de softwares, as principais como Apple, Google e Microsoft, tentam fazer com que seus sistemas consigam gerenciar a energia dos aparelhos da melhor maneira possível. Mas nem sempre isso revolve o problema. Por isso, aplicativos de terceiros que otimizam a bateria dos aparelhos têm ganhado espaço no mercado. Um exemplo disso é o GREENiSCORE. Trata-se de um aplicativo que tem como objetivo aprimorar o funcionamento da bateria de aparelhos equipados com Android.

O GREENiSCORE sabe lidar com a tarefa de maneira diferente em relação a outros aplicativos da categoria. A partir de um formulário com dados coletados, o app detecta os hábitos do usuário e mostra soluções que ele pode adotar para usar melhor a carga disponível. O software também concede uma pontuação de acordo com a maneira com que o dispositivo está configurado. Ele também oferece vários perfis pré-configurados que realizam mudanças em seu aparelho de forma automática, sem que o usuário precise ficar ajustando pequenos detalhes manualmente.  

Você também pode obter informações sobre quais aplicativos estão consumindo mais energia de seu aparelho.

Atuando de maneira inteligente, o GREENiSCORE analisa seus padrões de uso e realiza melhorias automáticas conforme o tempo. Um sistema de insígnias é concedido ao usuário que adotar hábitos inteligentes que reduzem o consumo de energia. O app é gratuito, em português e sem anúncios e pode ser baixado na Play Store.

Se você tem problemas com a duração da bateria de seu aparelho Android, esta certamente será uma excelente opção para gerenciá-la.

Por William Nascimento

Greeniscore


O mundo da tecnologia está extremamente presente em nosso cotidiano. Um ótimo exemplo disso são os aparelhos portáteis como o smartphone, por exemplo. Esse aparelho pode realizar uma grande quantidade de tarefas através das suas funcionalidades e o grande número de ferramentas que o mesmo suporta.

E se você é desses que não larga o seu smartphone para nada, saiba que você pode usar o mesmo para melhorar a sua saúde. Um grande exemplo disso é o aplicativo para Android Sleep Better with Runtastic.

O grande objetivo desse aplicativo é melhorar a qualidade do seu sono, pois o mesmo é capaz de monitorar a duração do seu sono, os ciclos, bem como a eficiência do seu repouso. E, como todos bem sabem, dormir é algo imprescindível para nossa saúde, por esse e outros motivos o app Sleep Better é bastante indicado.

Outro detalhe muito interessante é que o aplicativo também funciona como despertador. Isso é possível graças ao recurso “Smart Alarm” que seleciona as melhores “janelas” para lhe acordar. Além disso, o aplicativo também possibilita o usuário rastrear seu consumo de álcool e cafeína para saber se tais substâncias estão interferindo de forma negativa em seu sono.

Ao acordar, o usuário pode definir como está o seu humor naquele exato momento, também é disponibilizada a opção para que você informe se seu sono foi bom, ruim, normal e etc.

Todas essas informações são armazenadas em gráficos que podem ser consultados a qualquer momento pelo usuário. O aplicativo levou meses para ser desenvolvido e teve colaboração de médicos, especialistas e pesquisadores quando o assunto é o sono.

Se você gostou das informações aqui divulgadas e deseja testar esse aplicativo, saiba que o mesmo é disponibilizado de forma gratuita. Para fazer o download do mesmo, é preciso acessar o site oficial Baixaki. O app é compatível com Android 4.1 ou superior.

Para usufruir dos serviços oferecidos pelo app é preciso clicar em “Start” e deixar seu aparelho próximo ao seu travesseiro. Segundo os desenvolvedores do aplicativo, é recomendável manter a bateria conectada e o aparelho em modo avião.

Por Bruno Henrique

Foto: divulgação


O celular é cada vez mais multiuso na vida das pessoas, praticamente um microcomputador em nossas mãos. Desde o começo de sua evolução com o visor colorido, tons polifônicos, entre outros, a câmera tem se destacado como uma das funções mais utilizadas e também mais exigentes quanto a sua qualidade na hora da escolha do aparelho.

Quanto mais pixels, melhor a resolução da câmera e quanto melhor ela for mais queremos explorá-la. Para quem gosta de fazer vídeos com o celular, mas tem problemas para deixar a imagem bem focalizada, o aplicativo Horizon Camera irá te ajudar a manter a imagem alinhada.

Naqueles momentos em que temos de mostrar uma pessoa de corpo inteiro, ou uma visão mais ampla da imagem virando a tela do aparelho, ou utilizando o zoom da câmera, acabamos deixando a imagem tremida durante o vídeo, o Horizon Camera mantém a imagem que estiver visualizando sempre perfeita e alinhada independente da movimentação do aparelho celular. Estes benefícios são válidos para gravação de vídeos com a câmera frontal ou traseira. Mas atenção, o funcionamento perfeito deste aplicativo só está disponível para os programas de: Nexus 4, Nexus 5, Sony Xperia Z1, Samsung Galaxy Note 2, nota 3, S4, S5, HTC One, HTC One mini, Motorola Razr HD. Para sua instalação é necessário ter o Android 4.3 ou superior e o seu tamanho é de 6,3 MB para armazenamento. Para gerenciar de maneira flexível no armazenamento da mídia capturada, o Horizon utiliza três opções de qualidades: alto, médio e baixo.

É uma ótima opção para capturar mídias em movimento como, por exemplo, em shows e em manobras de esportes radicais e o aplicativo é gratuito. Para saber mais, visite a loja virtual de aplicativos da sua operadora ou do próprio celular e para saber qual o sistema operacional e a versão do Android do seu aparelho, verifique nas opções de “funções” ou “ajustes” e em seguida na opção que diz respeito a informações sobre o celular.

Por Ricardo Laurentino da Silva

Horizon Camera


Escutar músicas é algo que a grande maioria faz em seus smartphones. Alguns escutam músicas de sua biblioteca, onde transferir ao dispositivo é uma tarefa que leigos e experientes sabem fazer igualmente. Outros preferem streaming de música e vários optam por escutar Rádio FM em seu aparelho. Porém, uma parcela dos usuários instalam aplicativos para escutar outras rádios do mundo, como é o caso do Tuneln Radio, que recebeu atualização e está melhor do que nunca.

A primeira novidade é a adesão ao novo visual do Android. O Material Design possibilita aos desenvolvedores a chance de ter um único visual integrado ao sistema, e nesta versão os devs do app incluíram o visual, deixando o aplicativo muito mais bonito. Também foram feitas algumas melhorias na tela de bloqueio. O Android Kitkat possibilita a visualização das capas de álbuns diretamente da tela de bloqueio e a possibilidade de pausar, reproduzir e outros comandos sem abrir o aplicativo ou desbloquear a tela. O Tuneln também suporta a partir da atualização, o Google Chromecast. Também segundo o chancelog, o suporte a Android TV também consta. O Tuneln rádio suporta mais de 100.000 rádios em todo o mundo segundo a descrição do aplicativo na Play Store. O usuário ainda pode encontrar e seguir podcasts e compartilhar suas ações com outros usuários. O aplicativo também tem uma versão Pro com mais recursos a um custo.

Motorolaatualiza seu aplicativo Galeria:

Outra boa atualização é o aplicativo Galeria da Motorola. O aplicativo ganhou algumas novidades nesta semana, como o novo visual Material Design, também seguindo a nova geração do sistema operacional o Android 5.0. Ele está mais nítido, colorido e interativo. Ainda o Galeria ganhou algumas melhorias no desempenho. Ele é uma alternativa a galera tradicional embarcada nos smartphones Android. Lembrando que ele vem pré-instalado em smartphones da Motorola, como o Moto X, G e E. 

Por Leandro de Souza

TuneIn Radio

Foto: Divulgação


O Microsoft Word é o mais novo “número 1” na lista dos aplicativos gratuitos para iPhone e iPad da App Store, seguido de perto por outros apps do Office, como Excel e PowerPoint.

No iPhone, estes aparecem em 8ª e 10ª posições, respectivamente, enquanto no iPad o Excel é o 2º colocado e o PowerPoint o 7º. Os aplicativos dispararam para o topo da lista depois das mudanças nos preços ocorridas na última semana. Antes, a Microsoft tinha solicitado que os usuários de iPad se inscrevessem no Office 365 para criar novos arquivos, oferecendo um recurso para iPhone por tempo limitado.

A empresa finalmente permitiu que o público pudesse utilizar seus aplicativos gratuitamente, lançando novos aplicativos unificados como parte do pacote Office para iOS. A atualização dos aplicativos inclui a nova parceria da Microsoft com o Dropbox e menos restrições no uso, no intuito de aumentar sua fatia no mercado “iOS”, que já contava com cerca de 40 milhões de downloads do “Office para iPad”. Mas a empresa segurou o lançamento do Office para iOS na esperança de utilizar a posição (considerável) do Office no mercado para atrair usuários e empresas para a plataforma Windows, o que deu aos competidores (leia-se Apple e Google) espaço para estabelecer raízes nos dispositivos móveis com programas que os usuários podem utilizar de graça. Enquanto os apps do Google similares ao Office sempre foram gratuitos, recentemente a Apple anunciava que seus programas de produtividade também passariam a ser gratuitos e já viriam instalados em seus produtos (MAC, iPads e iPhones).

Apesar de alguns acharem que a “iniciativa” da Microsoft demorou demais, os números de downloads no iTunes, bem como as primeiras avaliações dos aplicativos, mostram que os usuários estão satisfeitos com a novidade, seja por insatisfação com produtos similares de outras empresas ou simplesmente por poderem ter disponíveis em seus dispositivos móveis os programas do Office.

Por Felipe Foureaux Freitas

Office para iPad e iPhone

Foto: Divulgação


O Google reformulou seu aplicativo de calendário, o “Google Calendar”, para ser lançado no dia 3 de novembro, mesmo dia de lançamento dos dois novos modelos da linha Nexus: os novos celular Nexus 6 e tablet Nexus 9. Ambos os dispositivos serão vendidos já com a última versão do Android rodando, o Lollipop 5.0, porém o novo aplicativo é compatível com todas as versões anteriores do sistema operacional.

A versão antiga do aplicativo era basicamente para adicionar e listar lembretes. Era preciso correr pelas listas em ordem cronológica, fazer buscas exatas com a data, nome do evento, pessoas envolvidas ou endereço do evento. A nova versão inclui três novas melhorias essenciais: a primeira é a sugestão de eventos de acordo com o que você está digitando na busca, assim que você começa a escrever. A segunda é a nova visualização da agenda, que permite ver um mapa com a localização do evento (com opções de visualização de fotos, visão periférica e ilustrações do local). Funcionalidades que irão “trazer mais beleza ao seu dia”, de acordo com o Google.

A terceira melhoria na verdade é uma novidade intuitiva, que tenta adivinhar e sugere detalhes para adicionar a um evento, baseando-se na interação do usuário com o aparelho. Por exemplo, se você pratica corrida todo dia em algum parque com um determinado amigo, o Google Calendar vai sugerir o local, horário e contato para o evento a partir do momento que você escrever a palavra “correr”.

A essência do aplicativo é, claro, os eventos gravados nele, porém agora ele junta informações do e-mail para tentar adivinhar e sugerir o que você vai fazer (ou pelo menos adicionar em sua agenda). Por exemplo, caso você receba um e-mail de uma companhia aérea confirmando um voo, o app irá adicionar automaticamente em sua agenda a data, horário e companhia, bem como atualizá-la em caso de atrasos.

O aplicativo, por enquanto, não está disponível para iOS, mas de acordo com o Google, seus desenvolvedores estão “trabalhando nisso”. Enquanto isso, apenas os usuários do Android podem experimentar as novidades.

Por Felipe Foureaux Freitas

Google Calendar

Foto: Divulgação


Nesta quarta-feira (29) o Facebook apresentou às autoridades que fiscalizam as bolsas de valores e outros investimentos nos Estados Unidos, documentos que informam os prejuízos financeiros que obteve desde a compra do aplicativo WhatsApp no início deste ano.

De acordo com os documentos entregues com a prestação de contas da empresa, o prejuízo chega aos U$$ 232 milhões. Em janeiro deste ano, o aplicativo foi comprado pela quantia de U$$ 22 bilhões.

Entre os meses de janeiro a junho deste ano, o WhatsApp rendeu à rede social o equivalente a U$$ 15,2 milhões, num percentual de lucratividade de 453% em relação ao mesmo período do ano passado. Este rendimento é oriundo do pagamento de anuidade pelos usuários para o uso do aplicativo em seus dispositivos móveis. 

Em 2013 o rendimento registrado pelo WhatsApp não ultrapassou os US$ 2,7 milhões no primeiro semestre do ano, já no acumulado dos 12 meses de 2013 o rendimento total obtido pelo aplicativo chegou aos US$ 10,2 milhões.

Já em comparação aos seis primeiros meses do último ano, a queda dos rendimentos da empresa também foi bem acentuada. Só no primeiro semestre de 2014 os prejuízos chegaram aos US$ 232,2milhões, um aumento de 293% de perdas em relação ao mesmo período de 2013.

No ano, elas somaram os U$$ 59 milhões, enquanto até junho de 2014, já foram contabilizados US$ 138,14 milhões em perdas.

Apesar dos prejuízos apresentados, Mark Zuckerberg, presidente e um dos fundadores do Facebook, diz não ter pressa para fazer do WhatsApp um aplicativo rentável.

O comunicador de mensagens instantâneas ainda não traz nenhum tipo de publicidade para seus usuários, e este fato é defendido pelo seu diretor e um de seus criadores, Jahn Koum, que é contra a divulgação de qualquer tipo de propaganda no aplicativo a fim de se obter lucro.

Além das informações financeiras apresentadas sobre o WhatsApp, dados sobre o Facebook também foram apresentados para a SEC– Securities and Exchange Commission, que possui nos Estados Unidos a mesma função da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) no Brasil.

Enquanto o WhatsApp até o momento traz prejuízos a Zuckerberg, sua rede social continua crescendo em faturamento. De acordo com os dados apresentados, só no terceiro trimestre de 2014, o Facebook teve um lucro de US$ 3,2 bilhões. Isto representa um lucro 59% maior que no mesmo período do ano passado.

Por André F.C.

Foto: divulgação


Seguir ou curtir seu músico, artista ou ator no Facebook ou Twitter não é novidade para ninguém. As redes sociais são cheias de fanpages não oficiais, algumas com vários e várias com poucos participantes (seguidores, “curtidores”, etc). O novo app Phonio tem o objetivo de tornar a conexão entre fãs e celebridades tão simples quanto uma ligação para um amigo. Lançado recentemente, o aplicativo permite que as estrelas liguem e falem com todos os seus fãs ao mesmo tempo.

O artista tem que ter o aplicativo instalado e criar uma conta, gerando um número. Esse número é divulgado e o fã que se interessar pode assinar o serviço e ter o celular tocando já na próxima vez que seu ídolo utilizar a ferramenta. Também é disponibilizada uma opção para que a celebridade, aleatoriamente, ligue para apenas um dos assinantes do seu número Phonio, para uma conversa particular a dois.

A ideia surgiu após o inventor do aplicativo ver um tweet do presidente americano Obama e imaginar como seria receber uma ligação dele. O crowdfunding, modalidade de arrecadação de dinheiro para projetos pioneiros cada vez mais utilizada, o ajudou no desenvolvimento do app com aproximadamente US$ 750.000,00.

Os primeiros nomes a utilizarem a novidade são, sem nenhuma surpresa, estrangeiros. Os músicos Chris Daughtry e Lil Wayne, o ator Drake Bell e jogadores de basquete do Sacramento Kings, da NBA, são uns dos exemplos a serem os primeiros a se inscreverem.

Para os críticos de plantão, que pensam no aplicativo como inútil e sem futuro, vale lembrar que uma empresa chamada “SayNow” disponibilizou um aplicativo similar mas no qual os fãs podiam apenas ouvir mensagens gravadas de seus ídolos, e teve nada menos do que 15 milhões de usuários antes de ser comprada pelo Google.

“Estamos numa época, numa era, onde é importante que os artistas mantenham o contato com seus fãs o mais próximo possível”, disse o empresário do músico Lil Wayne. “Tivemos vários problemas no passado com edições de reportagens e entrevistas. O Phonio dá a oportunidade de o artista dizer exatamente o que quer dizer.”

Por Felipe Foureaux Freitas

Phonio

Foto: Divulgação


Uma das grandes paixões das pessoas é sem sombra de dúvidas a música, seja qual for o gênero, sempre existe um estilo que lhe agrade. E se além de gostar de um determinado estilo musical você também gosta da parte instrumental, saiba que você não pode deixar de conhecer o aplicativo Guitarra + (Guitar). Você pode encontrar mais detalhes sobre este app na continuação desta matéria.

Como já foi citado acima, o aplicativo aqui mencionado é destinado àqueles que gostam da parte instrumental e principalmente a guitarra. O app dispõe de uma estrutura visual bastante interessante que é justamente as cordas de violão, através dessa estrutura você poderá praticar bastante e acompanhar sua evolução na guitarra até mesmo quando não estiver perto dela.

É importante destacar que o aplicativo dispõe de músicas e várias opções de visualização da tela. Assim, você terá muito conforto e opções para que possa progredir em sua guitarra. E para quem gosta de personalização, saiba que o app dispõe de opção para mudança da skin do violão além do posicionamento das cordas, logo, você pode escolher o que lhe deixa mais confortável.

A interface do aplicativo é bastante elogiada entre os usuários, haja vista a mesma exibir as cordas na maior parte da tela, bem como possui pequenas marcações que vão lhe ajudar bastante a praticar os acordes e os seus riffs preferidos.

Além disso, é possível marcar os pontos desejados e logo em seguida executar automaticamente os resultados. Quanto às músicas disponíveis no aplicativo, saiba que é possível escutá-las e logo em seguida tocá-las. O usuário ainda poderá encontrar ferramentas adicionais como, por exemplo, o metrônomo que possui ajuste livre do tempo de marcação.

O app é bastante indicado devido às várias configurações de ajuste que ele disponibiliza para os seus usuários, permitindo aos mesmos escolher aquilo que melhor lhes agrada. A interface é bastante intuitiva e qualquer usuário pode navegar na mesma sem nenhum problema.

Você tem todo esse serviço à sua disposição de forma gratuita. O aplicativo pode ser baixado através do site oficial Baixaki. Lembrando que ele é compatível com Android 2.3 ou superior.

Por Bruno Henrique

Guitarra + (Guitar)

Foto: Divulgação


O app Voto x Veto é um sistema muito interessante e eficaz para guiar os eleitores mais indecisos (ou não) aos candidatos que apresentarem propostas mais vinculadas às inclinações do usuário. Simples e intuitivo, o app leva o usuário a um tipo de teste cego, no qual várias propostas de candidatos são expostas para votação.

Como o nome do aplicativo sugere, você pode concordar ou discordar das propostas. À medida que o usuário vai votando ou vetando propostas, o sistema cria um ranking mostrando em ordem quais candidatos tiveram mais votos por parte do usuário e quais tiveram mais vetos.

O aplicativo cumpre uma grande função social, igualando as chances dos candidatos, independente da quantidade de dinheiro investida na campanha, de terem suas propostas reconhecidas e disseminadas.

O modelo em teste cego torna a escolha do candidato menos arbitrária, no sentido de que você se atrela às propostas e não aos candidatos. Não raro você verá a fidelidade a um ou outro candidato reduzida pelo conhecimento de certas propostas de governo.

O autor, Walter Cesar Nogueira da Silva Junior, 24 anos, estudante do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA) afirma ter se inspirado em aplicativos como o Tinder, no qual avaliamos as pessoas baseado na sua aparência.

No voto x veto os candidatos são avaliados por suas propostas. As propostas são retiradas diretamente dos planos de governo apresentadas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A ideia brilhante torna mais fácil a associação de ideias a candidatos, facilitando e muito a decisão do usuário na hora de decidir na urna. No Google Play o aplicativo tem avaliação 4.1 de 5, além de vários comentários muito positivos.

O aplicativo tem versões para Android e IOS e é muito leve e eficiente em sua proposta. Única reclamação é que deveria ser expandido a todos os cargos eleitorais e deve ser relacionado ao facebook para rankings, etc.

Por João Flávio Gomes Faria

Foto: Correio Braziliense


A tecnologia avançada nos dias de hoje nos proporciona ter acesso a informações curiosas que há pouco tempo atrás não pensávamos conseguir com tanta facilidade. A velocidade do chute de um jogador durante uma partida de futebol, a “cortada” de um jogador de vôlei e o “smash” de um tenista precisavam de equipamentos grandes e caros, tipo radares, que mais parecem uma arma (igual aquelas que a Polícia utiliza nas estradas), para que conseguíssemos saber a velocidade da bola após a batida dos jogadores. Mas isso mudou.

A Athla, empresa que desenvolve aplicativos voltados para os ramos de saúde, fitness e desemprenho atlético, lançou o app VELOCITY, que, por US$ 6,99 por esporte, exerce as mesmas funções dos equipamentos mencionados acima, que podem chegar a custar US$ 1.200, com uma margem de erro de menos de 2 km/h.

O aplicativo tem pacotes de beisebol, tênis, futebol e críquete disponíveis para download “in-app”, e os desenvolvedores já adiantaram que novas modalidades estarão disponíveis em breve.

O Velocity demorou dois anos para ser desenvolvido, e foi se adaptando aos diferentes tipos de câmeras, cada vez mais modernas, lançadas a cada novo celular apresentado. O aplicativo já está disponível na AppStore e mira os fãs de esportes como público alvo para deslanchar as vendas e poder chegar a ser utilizado (e patrocinado) por ligas oficiais e organizações desportivas. A empresa conta com o fato de marcas esportivas estarem cada vez mais procurando maneiras de interagirem com os fãs de outras maneiras, para que não sejam apenas espectadores, e de alguma forma participem da atividade, bem como utilizar o aplicativo personalizado como forma de marketing para o esporte ou clube que compre a ideia.

A funcionalidade do “radar” para celulares e tablets tem tudo para se tornar viral, assim como acontece com a maioria dos aplicativos que por um preço bem menor conseguem substituir equipamentos elaborados, caros e complicados de serem utilizados por leigos no assunto, bem como aumenta a gama de funcionalidades dos aparelhos que já não têm mais como utilidade principal a conversação por voz.

Por Felipe Foureaux Freitas

Athla Velocity

Foto: Divulgação


Uma das principais ferramentas tecnológicas de utilização na atualidade é, sem sombra de dúvidas, o smartphone. Esse aparelho tornou-se bastante famoso em pouco tempo, devido ao seu grande número de funcionalidades, bem como ferramentas e disponibilidade para o armazenamento de jogos e aplicativos para deixar o aparelho ainda mais completo.

Uma das grandes vantagens para quem gosta bastante de sair e curtir a vida é saber os melhores pontos de atrações localizados na cidade em que você está. Dessa forma, sua diversão e busca por lugares espetaculares será bem mais simples.

E se você tem dificuldade para realizar este tipo de tarefa, saiba que existe um aplicativo chamado Foursquare, que vai lhe auxiliar nesse tipo de busca. Confira mais detalhes sobre este aplicativo na continuação desta matéria:

O Foursquare é nada menos que um aplicativo social que pode ser muito útil no seu cotidiano. Através desse app é possível realizar pesquisas dos locais mais interessantes do lugar que você desejar.

Isso é possível devido ao grande número de locais armazenados neste aplicativo, todos estão com informações precisas e detalhadas. Ou seja, você pode efetuar pesquisas sobre shoppings, bares, restaurantes, baladas, hotéis, praças, pontos turísticos e etc.

Além disso, o aplicativo busca se aprimorar cada vez que você realizar uma pesquisa, haja vista ele oferecer a opção de inserir tags em sua busca. Com isso, o usuário pode inserir informações adicionais como, por exemplo, lugares baratos, comida saudável, fast food, etc. Sendo assim, o aplicativo irá procurar as melhores opções de acordo com as tags que você inseriu.

O aplicativo é extremamente completo, pois o mesmo oferece um serviço muito interessante e prático. Vale ressaltar que o app possui um visual muito bonito e interface de fácil acesso, permitindo que qualquer usuário possa navegar sem nenhum problema.

Você também pode opinar sobre os lugares que você visitou além de conferir a avaliação de outros usuários sobre determinado estabelecimento.

Para realizar o download do aplicativo acesse o site oficial Baixaki. Lembrando que o mesmo é compatível com Android 4.0 ou superior.

Por Bruno Henrique

Foto: divulgação


O Secret, aplicativo disponível para Android e iOS direcionado à publicação – de forma anônima – de segredos por seus usuários, está com seus dias contados. Pelo menos em território brasileiro, o aplicativo não poderá mais ser disponibilizado pelo Google Play e App Store, lojas de aplicativos dos dispositivos Android e Apple, respectivamente.

A proibição ocorreu após o Ministério Público do Espírito Santo ter o seu pedido atendido pela justiça. Na solicitação, o mesmo alega que, perante à Constituição Brasileira, todo cidadão têm direito à sua privacidade, além da proteção de sua imagem e honra. Adicionalmente, o anonimato – seja em qual âmbito for – também é proibido.

O que mais chama a atenção para o Secret é que não há como se defender de possíveis postagens e fotos constrangedores, publicadas por anônimos. No aplicativo, qualquer pessoa pode ter sua privacidade quebrada e sua honra ferida, mesmo que não faça parte do rol de usuários. Muitos descobrem que possuem suas intimidades reveladas no app por meio de outros usuários.

Outro aspecto que merece atenção é a utilização do aplicativo dentro das escolas. Algumas insituições alegam não conseguir controlar os alunos e, consequentemente, as situações constrangedoras motivadas pelo uso do aplicativo.

A App Store já retirou o aplicativo de sua loja. Ao tentar fazer o download do Secret na última sexta-feira (21), os usuários brasileiros foram surpreendidos pela seguinte mensagem: "O item que você tentou comprar não está mais disponível." Em contrapartida, no Google Play ainda é possível fazer o download do app.

É importante dizer também que a decisão vale, inclusive, para o aplicativo Cryptic, disponibilizado pela Motorola. O funcionamento do app é semelhante ao do Secret.

Ambas as lojas deverão cumprir com a decisão – publicada e assinada pelo juiz Paulo César de Carvalho na última terça-feira (19) – em até 10 dias. Caso contrário, cada empresa deverá arcar com uma multa diária de R$ 20 mil.

Vale salientar que tais proibições, por estarem previstas apenas na Constituição Brasileira, são válidas apenas para as contas brasileiras. Usuários com contas registradas em outros países poderão baixar o Secret normalmente.

Por Tatiane de Andrade Matos

Foto: divulgação


O Bolt é o mais novo aplicativo que o Instagram lançou. O aplicativo chega ao mercado para concorrer com o Snapchat, um dos programas para celular mais bem sucedido dos últimos tempos.

A nova ferramenta, lançada pelo Instagram, é um aplicativo de imagens temporárias, onde o usuário pode enviar fotos para seus contatos sem a preocupação da imagem ficar guardada no celular alheio. A imagem se autodestrói segundos após o envio.

O Snapchat é uma “febre” entre adolescentes, já que a maioria quer compartilhar imagens sem que elas fiquem associadas às suas contas em redes sociais, como Facebook e Instagram.

Especialistas chegaram a apontar isso como uma das principais razões pelas quais o Facebook vem perdendo adeptos entre o público mais jovem.

No ano passado, o próprio Facebook, tentou comprar o Snapchat, por U$$ 3 bilhões, mas não conseguiu. Sendo assim, no mês passado a rede social lançou um programa do gênero, o Sligshot.

Agora chegou a vez do Instagram (que foi comprado pelo Facebook, mas opera como uma empresa separada da rede social), lançar o seu aplicativo para tentar concorrer com a ascensão do Snapchat.

Uma porta-voz do Instagram, anunciou no site The Verge que o aplicativo está disponível apenas em três países: Nova Zelândia, Cingapura e África do Sul.

Mas já adiantou: “Chegaremos a outros países em breve, mas decidimos começar por estes para ter certeza que podemos expandir nossos mercados depois", disse a porta-voz da empresa.

Polêmica no lançamento:

Mesmo fazendo um lançamento discreto, o Instagram não conseguiu impedir que seu novo aplicativo se envolvesse em polêmica.

O nome escolhido para o aplicativo já é usado por outra empresa de tecnologia. Esta empresa tem um aplicativo, também chamado de o Bolt, que permite fazer ligações gratuitas por meio da conexão de dados do celular.

O presidente da empresa, Andrew Benton, fez um apelo ao concorrente Instagram: "Trabalhamos muito em nossa marca e tecnologia. Por favor, não destruam esse esforço", disse Benton.

Por enquanto o Instagram não se pronunciou sobre a proposta de Benton.

Por Ageu da Rocha

Novo app do Instagram

Foto: Divulgação


O grande avanço tecnológico permitiu que várias tecnologias se tornassem comuns e fossem de acesso fácil a toda e qualquer pessoa como, por exemplo, o smartphone. Esse aparelho muito avançado, recheado de funcionalidades e ferramentas de uso rápido e prático se tornou muito famoso em todo o mundo.

Hoje, ter um smartphone é quase uma obrigação, principalmente entre o público mais jovem, que gosta de estar interagindo a todo instante.

Porém, mesmo sendo um aparelho com uso bastante diversificado, hora ou outra o usuário pode acabar ficando entediado de seu aparelho. Para que você não chegue a esse ponto é muito interessante fazer constantes mudanças no seu smartphone e um ótimo início é na parte visual do mesmo, ter wallpapers com diversos estilos é uma dica bem simples que vai lhe ajudar bastante.

Um aplicativo muito útil e que vai lhe ajudar a escolher os melhores wallpapers para seu smartphone é o Tapet – Wallpapers Reinvented. Como o próprio nome já sugere, esse aplicativo possui uma quantidade imensa de renovação, pois ele conta com uma série de combinações, que por sua vez vão gerar milhares de papéis de paredes inéditos e com estilos variados.

Dessa forma, são infinitas possibilidades de papéis de parede para seu smartphone, com isso, quanto mais imagens, mais possibilidades de combinações e, consequentemente, mais wallpapers à sua disposição.

Além disso, uma informação muito importante é que você mesmo pode mudar de forma manual os wallpapers, sendo assim, até encontrar aquele que atende as suas exigências. Outro detalhe é que você também pode programar o aplicativo para que ele mude automaticamente o seu papel de parede, o tempo de variação é de 15 minutos até uma semana.

Outro detalhe muito interessante é que, para fazer as mudanças aqui citadas, não é necessário estar conectado à internet, pois as imagens e afins estarão armazenadas no aplicativo.

Se você gostou da ideia, saiba que é muito simples ter o app em seu smartphone, para isso, acesse o site oficial Baxaki e efetue o download do mesmo de forma gratuita. Vale ressaltar que o aplicativo é compatível com Android 4.1 ou superior.

Por Bruno Henrique

Foto: divulgação


O relançamento do mensageiro instantâneo ICQ foi marcado por números exorbitantes. Isso se deve ao fato de que em apenas uma semana o aplicativo obteve mais de um milhão de downloads somente no Brasil. Isso sem contar os usuários antigos que recuperaram suas antigas contas.

O ICQ veio para ficar, isso é fato. Há uma semana o aplicativo estava em primeiro lugar na loja de aplicativos do iPhone. Nenhum dado sobre quantidade de downloads foi fornecido pelo Google, dono da loja de aplicativos do Android, porém, ele afirma que o número é quase duas vezes superior à quantidade do iOS, tudo isso segundo o site G1.

Outro fator que ajudou a popularizar o aplicativo no país são os famosos adesivos. Trazendo uma proposta diferente aos famosos emoticons dos mensageiros atuais, eles dão mais charme e trazem um visual mais moderno ao seu smartphone. Segundo o site G1, o coração brasileiro (adesivo criado especialmente para nós brasileiros) ficou entre os 20 mais baixados no país.

Em época de Copa do Mundo a tendência desse aplicativo crescer é enorme. Pois o aplicativo traz recursos interessantes de troca de mensagens, e videoconferência. Tudo para agradar ao público tão exigente que é o brasileiro.

O programa ainda traz uma interface amigável capaz de beneficiar a comunicação, foco do programa. O recurso de envio de mensagens (SMS) gratuitas é um show a parte. Exporte todos os seus contatos da agenda para o programa e experimente por você mesmo o poder do ICQ.

Novidades:

Em um mundo onde estamos tão saturados por diversos mensageiros, o ICQ surge para inovar e agradar tanto aqueles usuários da velha guarda quanto os mais novos. O sistema de troca de arquivos é até então inédito e possui diversas utilidades, seja para fins pessoais como comerciais.

A popularidade do aplicativo não é atoa, tudo é novo e reformulado. O aplicativo está disponível para iOS, Android, Windows Phone, Black Berry e PC.

Por Felipe Henrique de Souza

ICQ

Foto: Divulgação


Devido a sua enorme popularidade bem como do grande número de marcas que fabricam este tipo de aparelho, o smartphone se tornou muito famoso em todo o mundo. Na atualidade é algo comum conhecer alguém que possui um aparelho portátil como esse. Dentre os motivos de tanta popularidade é possível destacar, principalmente, o grande número de ferramentas e funcionalidades desse aparelho.

Vale ressaltar que como já foi citado acima, muitas pessoas dispõem de um aparelho como esse hoje em dia, dessa forma, seus familiares, amigos e demais pessoas certamente terão um aparelho igual ao seu. Caso você queira se destacar e ter um smartphone com interface totalmente diferente dos demais a grande dica é instalar o quanto antes o aplicativo Blinq Launcher.

Caso você ainda não conheça o aplicativo aqui destacado, saiba que o Blinq Launcher pode modificar totalmente a parte visual de seu Android, ou seja, é extremamente indicado para aqueles que já estão cansados daquela velha aparência de sempre, ou aquela bem comum. Por meio desse app é possível mudar os estilos e os temas aplicados nas principais telas do sistema. Além das mudanças, que é você quem escolhe, também será mudada a forma de interação com o display, levando em consideração a mudança que você fizer.

O aplicativo é disponibilizado de forma gratuita e o mesmo pode ser encontrado no site oficial Baixaki na sua respectiva página. Lembrando que o mesmo é compatível com Android 4.1 ou superior.

Após instalar o aplicativo, inicialmente o mesmo irá fazer uma navegação interativa pelas funções que o mesmo oferece. É importante destacar que inicialmente apenas uma tela será adicionada para a Home, sendo assim, logo depois é possível que você adicione mais telas de acordo com as configurações desejadas. Dentre as mudanças e interações na tela inicial você poderá modificar o efeito scroll, interagir com widgets, interagir com wallpapers, modificar a grade, ocultar a barra de notificações do Android, fazer personalizações e muito mais.

Por Bruno Henrique

Blinq Launcher

Foto: Divulgação


Mesmo com a câmera de 1080 pixels do iPhone, é possível filmar com uma qualidade ainda melhor. O dispositivo que faz com que a câmera do aparelho tenha a possibilidade de filmar com uma qualidade de 2K é o Ultrakam. O aplicativo está famoso no iPlace e pode ser baixado por US$ 6,99, o que seria cerca de R$ 16. A ferramenta consegue fazer com que a câmera do celular tenha uma qualidade de 2K na filmagem, superior ao tradicional 1080p. O aplicativo utiliza um “hack” para melhorar a qualidade das imagens capturadas.

A captura das imagens para formar os vídeos é feita pelo dispositivo usando uma resolução de 2240 x 1672 pixels, em uma taxa de 24 quadros por segundo. A qualidade melhora por causa desse quesito, que possibilita o registro de imagens com 75% a mais de pixels do que as imagens feitas com a resolução HD normal que a câmera do iPhone dá sem nenhum recurso.

A cada gravação feita, o usuário tem a permissão de enviar os arquivos via USB ou Wi-Fi. O aplicativo dá a opção de o usuário escolher como quer gravar seu vídeo, se com o codec H.264 ou M-JPEG a 20, 24 ou 30 fps, além de ajustar os números que dão a qualidade do vídeo e que define os variados modos de captura, como a câmera lenta ou o timelapse.

O recurso pode ser usado em qualquer iPhone, mas apenas no iPhone 5S é que o aplicativo funciona com as suas configurações máximas. No iPhone 5 e no 5C, por exemplo, o dispositivo labora apenas com 20 fps na resolução 2K. Os criadores do programa intitulam o aplicativo como um serviço que instiga as pessoas a realizarem filmagens com a possibilidade de vídeos com qualidade profissional e auxilia cinegrafistas indies a alcançarem imagens de alta qualidade apenas com o seu aparelho móvel.

Com a alta resolução, muitos pensam que a disponibilidade de visualização e edição desses vídeos seria uma tarefa complexa, contudo, os desenvolvedores, pensando nessa situação, criaram o aplicativo com a permissão de o usuário salvar a versão final dos vídeos com uma resolução menor para a edição e visualização.

Por Carolina Miranda


Nesta terça-feira foi lançado um novo aplicativo para iOS chamado Seene. O Seene dá uma impressão real quanto ao objeto fotografado pela parte da frente e movido em direções diferentes.

O app promete a qualidade semelhante a de  uma foto profissional exaltando os detalhes e profundidade, quebrando as barreiras de uma foto comum em ângulo reto. Ele é exclusivo para dispositivos Apple nos iPhones (do 4S em diante) e também nas últimas gerações dos iPads e iPods Toutch.

App Seene

Foto: Divulgação

Além do divertido efeito fotográfico, o Seene também funciona como rede social e compartilha as fotos no Twitter e Facebook assim como o Instagram. O efeito logo é percebido como se estivéssemos olhando diretamente para o objeto, mas é necessário aprender a usar corretamente o aplicativo para causar o resultado próximo ao esperado, já que o aplicativo não é perfeito.

Segundo relatos de pessoas que já o testaram, o Seene, assim como a maioria dos aplicativos, apresenta  uma certa limitação e neste caso ela  se refere ao fundo dos objetos fotografados e também  nas superfícies contrastadas de acordo com o ângulo. Acredito que pela diversão, muitos dos usuários nem vão ligar para este detalhe, pois vai bastar treinar um pouquinho e não esperar por efeitos tão milagrosos assim.  

Por Luciana Ávila  


A tecnologia a favor dos futuros relacionamentos. Say Something é o novo aplicativo para smartphone que ajuda usuário nas chamadas “small talk”, ou seja, as primeiras conversas que se tem online antes de marcar aquele esperado encontro. O app ajuda o usuário nesse processo, garantindo assim sucesso na hora de convencer o outro lado, causando uma boa impressão.

Apesar de ser uma estratégia um pouco limitada, o Say Something foi criado para auxiliar usuários de sites de relacionamento, como o eHarmony, por exemplo.

É limitado pelo contexto em que os usuários podem se encontrar, já que algumas frases podem fazer sentido para um americano, mas podem ser totalmente absurdas a uma brasileira. Pensando nesse sentido, os criadores acreditam que usuários que nunca irão se encontrar tenderão a dar uma reposta honesta um ao outro, incentivando assim o desenvolvimento de novos assuntos.

Como funciona: os usuários são levados a algum cenário ou situação onde podem iniciar uma conversa; pode ser a fila de uma lanchonete, ou um café. Logo depois cada um recebe dicas do que dizer ao outro. O jogo possui 15 níveis e pode ser jogado em qualquer lugar do mundo desde que se tenha o app baixado no smartphone, já atingindo a marca de 22 mil usuários. 

Por Fábio G. Santos





CONTINUE NAVEGANDO: