Conforme prometido e especulado desde o início do ano, a Samsung anunciou no mês passado aos proprietários do Galaxy S4 a atualização do sistema Android 4.3 (Jelly Bean).

Para a grande maioria desses usuários  que já provaram essa atualização, algumas melhorias foram consideradas muito boas conforme o esperado. O gerenciamento de memória RAM, por exemplo, já foi apontado como sendo baixo de desempenho  por usuários antigos e atuais. A interface, que também já foi relatada como fraca, aparece diferenciada, com a opção  para economia de bateria e as animações, que é possível somar com um  melhor esquema de cores.A Samsung também renovou o visual do teclado e o navegador é padrão (full screen).

Este mês é a vez do Galaxy S3 receber a atualização do aplicativo e em dezembro o Galaxy Note 2. Como já  se previa desde o início do ano, o Suporte ao OpenGL 3.0 também entra para aprimorar a reputação anterior para alguns casos. A nova atualização ainda traz o suporte para a outra novidade recém-anunciada da fabricante: o Galaxy Gear – ou o relógio inteligente que todos nós (ou quase todos)  já   imaginamos algum dia – capaz de conter todas as funções mais necessárias trabalhando em um pequeno espaço de inteligência. Com ele você configura as suas informações necessárias e tem algumas opções úteis a um clique para facilitar o dia a dia. 

Os aplicativos KNOX também foram citados em relação ao melhor desempenho apresentado após atualização. A Samsung  também implantou o Samsung Wallet. Com esse aplicativo é possível armazenar cupons de compras coletivas,  e obter inúmeros descontos em ingressos, semelhante ao Apple Passbook.

Para finalizar, os usuários que tanto esperavam pela função Move-to-SD-Card podem relaxar porque  já está disponível. Mesmo chegando atrasado, o aplicativo é bem eficiente e simples de usar e ainda transfere todos os dados com segurança e velocidade satisfatória.   

Por Luciana Ávila  

Galaxy S3 com Android 4.3

Foto: Divulgação


O Android 4.3 mal chegou e já está dando o que falar e causando alvoroço. Agora, a plataforma está apresentando um bug que está dando bastante dor de cabeça para os donos do Galaxy S4Google Edition”. Por algum motivo, que não se sabe ao certo ainda, a atualização da plataforma da Google não estão deixando que os aplicativos gravem dados novos nos cartões microSD.

Este bug impede qualquer tentativa de alterar o cartão no aparelho, resultando em uma mensagem de erro quando o usuário faz alguma mudança. Até agora, não há nenhuma correção oficial para acabar com este problema, pois nem a Google e nem a Samsung se pronunciaram ainda a respeito do assunto, mas existe alguns meios alternativos graças aos aplicativos de gerenciamento de arquivos de terceiros.

Usuários com um conhecimento mais avançado podem rootar o smartphone para poder consertar os problemas direto no sistema. Para fazer isso, é preciso dar permissão para que o grupo media-rw tenha acesso ao microSD. Para isso, é só acessar a linha 71 do arquivo /system/etc/permissions/platform.xml.

Esse parece ser o único meio, ao menos por enquanto, de poder resolver o problema. É possível que em breve a Google lance uma solução oficial para o problema.

Por Felipe Santos Bonfim


Há pouco tempo, o upgrade do Android chegou ao smartphone Nexus 4 e isso foi uma grande comemoração. Porém, parece que a nova versão na verdade causou vários problemas para muitos usuários do gadget.

Segundo o que pode ser visto no fórum oficial do Google, o Android 4.3 causou vários bugs como, por exemplo, sérios danos na execução do Netflix e até mesmo o aparelho não ligar mais depois de atualizado.

Além disso, de acordo com os relatos de outros usuários, logo após o Nexus 4 ser atualizado para o Android 4.3 o aparelho já apresentou coisas incomuns. Alguns afirmaram que o aparelho trava na tela inicial e um “X” aparece, enquanto que outros também alegaram que a animação de “boas-vindas” do gadget fica se repetindo ininterruptamente.

Uma das coisas que deixou os usuários mais irritados é o fato de o sistema operacional do Google causar tantos problemas em um aparelho que também é do Google, principalmente por ser da família Nexus. Algumas pessoas até questionaram o fato de a gigante das buscas sequer ter testado a nova versão do SO no Nexus 4.

Mesmo com todas essas reclamações no fórum, não foram todas as unidades do Nexus 4 que sofreram com problemas, porém, por enquanto, é arriscado fazer a atualização, ao menos até que o Google lance uma solução para o caso.

Por Guilherme Marcon


Android 4.3A nova versão do sistema operacional Android ainda não está disponível para a grande maioria dos aparelhos e ao que tudo indica não trará grandes mudanças visíveis para o usuário comum. No entanto, usuários mais inquietos podem estar curiosos sobre como estará a nova versão do sistema.

É difícil precisar se o fabricante do seu aparelho irá disponibilizar o Android 4.3 através de uma ROM oficial. Aparelhos mais novos têm a garantia de que terão novas versões do Android disponíveis, mas em alguns casos não se sabe se será a 4.3 ou uma nova versão ainda não lançada (provavelmente a 5.0 KeyLime Pie).

Existem muitas opções não oficiais que podem ser baixadas pela web e instaladas no aparelho, mais a maioria dos usuários não se sente à vontade em utilizá-las e via de regra sua instalação está sujeita a uma série de contratempos e não é recomendada para usuários leigos.

Uma alternativa segura de matar a curiosidade é colocar o Android 4.3 para rodar no seu PC. Para isso você vai precisar baixar a iSO do novo Android e o programa VirtualBox que emula o funcionamento de outros sistemas operacionais em seu computador. Com um pouquinho de paciência e seguindo os passos deste tutorial você pode tirar suas próprias conclusões e decidir se vai esperar pela nova ROM do seu aparelho, se vai tentar instalar uma não oficial ou considerar a compra de um novo smartphone já com o 4.3 instalado.

Por Bruno Hardt





CONTINUE NAVEGANDO: