Xiaomi Mi 11 – Características, Ficha Técnica



Confira as características, vantagens e desvantagens do modelo Xiaomi Mi 11.

O Mi 11 pode ser considerado um dos melhores aparelhos da Xiaomi recentemente. Trata-se de um celular potente e que entrega uma série de mudanças relativas ao design em relação ao seu antecessor, o Mi 10.

Atualmente, o aparelho é vendido em duas versões diferentes. Uma delas conta com a presença do carregador na caixa e a outra não. Na versão que conta com esse acessório o usuário recebe:



Carregador 55W de potência

Guia do Usuário



Capa transparente de silicone

Chavinha da gaveta do SIM Card

Cabo USB tipo C

É possível afirmar que em termos de design o Mi 11 possui inovações e características herdadas do antecessor. Nesse sentido, vale destacar que entre as heranças se destaca o corpo de metal, que é coberto por duas placas. Elas são curvadas nas bordas e ficam mais finas para entregar um melhor aproveitamento da parte frontal do aparelho. Além disso, outra mudança que se pode notar está ligada à câmera de selfies, que passou a se localizar no canto superior esquerdo.

Caso você esteja cansado de aparelhos cuja traseira é feita de vidro, o Mi 11 conta com uma versão com o acabamento feito em couro ecológico. O modelo em questão está disponível nas cores violeta e dourado. Entretanto, no que se refere aos celulares com a traseira de vidro é possível afirmar que eles possuem Gorilla Glass de 5ª geração.

Também é importante destacar que o Mi 11 está um pouco mais comprido. Isso aconteceu devido ao aumento de tela e ao padrão esticado do aparelho. Entretanto, a sua largura permanece a mesma e em termos de peso é possível afirmar que ele está mais leve.

Leia também:  iPhone SE tem sucesso de vendas

Outro aspecto que merece ser ressaltado é o sensor de digitais, que está integrado à tela assim como em modelos anteriores. Entretanto, ele não se mostrou tão rápido quanto outros da Xiaomi, inclusive o próprio Mi 10. Uma novidade interessante é que o aparelho conta com um sensor de batimentos cardíacos.

Vale mencionar que as mudanças mais significativas em termos de design estão ligadas à parte traseira do aparelho, que conta com um conjunto das câmeras em um bloco maior.

Em termos de custo benefício, vale pontuar que a importação no Mi 11 não está se mostrando interessante. Com o valor gasto é possível investir em celulares com configurações superiores. Além disso, também é um ponto negativo a câmera, que foi considerada abaixo de alguns rivais da marca. Nesse sentido, cabe também citar a autonomia de bateria, outro ponto em que o Mi 11 deixou a desejar.

Entretanto, os pontos positivos acabam sobrepondo os negativos. De encontro a isso, é possível citar que a tela em AMOLED é excelente, bem como o desempenho de mídia. O tempo de recarga também passou por uma redução significativa.

Vale citar que quando se fala a respeito de sistema operacional, o Mi 11 chega ao usuário com o Android 11 devidamente modificado para o Mi U12. O sistema em questão é bastante fluido e entrega uma boa resposta aos comandos. Além disso, entre os atalhos é possível encontrar a opção de gravação de tela, que pode ser feita de forma facilitada.

O Always on Display também está disponível e conta com uma série de opções de personalização para os usuários, de forma que é possível incluir alguns extras. O suporte de gestos está disponível para toque nos dois lados da tela.

Leia também:  Star Wars: Galactic Defense ? Game para Android

Também é interessante citar que a Xiaomi está disponibilizando uma inteligência artificial que tem como objetivo servir para o aprimoramento das imagens. Além disso, ela também visa assegurar maior fluidez aos vídeos, que são gravados em 24fps. O software, por sua vez, faz upscalling quando se fala a respeito de questões como uma maior nitidez. Logo, o Mi 11 é um excelente telefone.

Por Amanda Guimarães Faria

Xiaomi Mi 11

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *