Nintendo pode desenvolver jogos para smartphones




Por enquanto a informação que temos é de que a Nintendo, empresa japonesa dedicada a fabricação de videogames, informou que o desenvolvimento de jogos para outras plataformas, incluindo smartphones e tablets, não estão em sua lista de planos.

Porém com o aumento significativo da importância dos dispositivos móveis, a companhia japonesa já havia mencionado há algum tempo atrás, que poderia começar a usar os smartphones e tablets de forma que conseguisse atrair a atenção para seus jogos e vídeo-games.


Nessa semana, uma informação bem interessante começou a ser veiculada depois que um jornal de grande influência em território japonês chamado “Nikkei”, informou sobre a possível jornada de games da Nintendo em smartphones e tablets.

A publicação diz que o pretexto para a Nintendo voltar atrás em suas decisões, foi a possibilidade de lançar jogos com funcionalidades reduzidas, para que o público em geral possa ter conhecimento do apelo de seus jogos em um curto período de tempo. Dessa forma, grande parte dos usuários podem se sentir interessados nos jogos da companhia e muito provavelmente acabarem comprando os jogos e consequentemente, os vídeo games da empresa.

Ainda de acordo com a publicação do Nikkei, a informação será divulgada oficialmente pela Nintendo em uma conferência na próxima quinta-feira, dia 30 de janeiro, onde a empresa também irá discutir sobre outros planos futuros.


O jornal japonês revelou também o possível aplicativo móvel que abrirá possibilidades para o usuário adquirir os jogos da Nintendo através de um toque em seus dispositivos móveis.

Todas as informações citadas ainda não foi confirmada pela Nintendo, portanto neste momento os dados divulgados podem ser tratadas ainda como rumores. Porém é importante divulgar que não faz muito tempo desde que o presidente da companhia japonesa comentou o seguinte: “Devemos fazer um esforço e aproveitar a existência dos dispositivos móveis atuais.”

Muitas especulações rondam a internet, mas no momento, nada é concreto, por isso precisamos aguardar até que haja outro pronunciamento.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *