O novo top de linha da Samsung já vem fazendo sucesso mesmo a pouco tempo de seu lançamento, porém como já é de costume, a marca vem adicionando várias modificações em seu aparelho, para deixá-lo cada vez melhor e mais competitivo.

Dessa vez a tecnologia dual-chip chega ao mais potente smartphone da Samsung. De acordo com informações recentes, o novo Galaxy S4 terá o nome de i9502, ou Galaxy S4 Dual-Chip. Além disso, ele contará com praticamente o mesmo hardware de seu modelo original, o que irá garantir um excelente desempenho e com uma experiência de navegação única.

O que pode não agradar muitos países é que pelo que foi anunciado em diversos sites, esse lançamento só vai estar disponível para o mercado asiático, principalmente na China, onde a Samsung já tem costume de lançar aparelhos exclusivos para o país. Já foi afirmado também que esse tipo de aparelho não será lançado no Brasil tão cedo e nem mesmo uma previsão para o lançamento foi estipulado.

Muitos sites ainda dizem que o lançamento não vai deixar a China e será um aparelho exclusivo.

Por Henrique Nicolau


Chega ao mercado brasileiro o Galaxy S Duos da Samsung. O smartphone conta com o mesmo design do Galaxy S III, porém traz especificações de hardware parecidas com o primeiro modelo da série S.

O Galaxy S Duos possui processador de 1 GHz, armazenamento interno de 3 GB, tela de 4 polegadas com resolução de 480×800, plataforma móvel da Google na versão 4.0 e uma câmera de 5 megapixels. Com todas essas características, o modelo pode ser considerado o melhor smartphone dual-chip do mercado.

Porém, ainda assim, o custo pelo produto aqui no Brasil pode ser considerado alto, se formos levar em consideração estas especificações técnicas, pois o smartphone esta custando aproximadamente mil reais. Por esse preço é possível encontrar aparelhos com muito mais potência, como por exemplo, o Motorola Razr, O Nokia Lumia 800, o Xperia P e o LG Optimus L7.

De qualquer maneira, o aparelho traz como diferencial a possibilidade de utilizar dois chips ao mesmo tempo e possuir o design bem parecido com o do top de linha da Samsung, o Galaxy S III, por isso é provável que o modelo consiga se destacar entre os brasileiros.

O Galaxy S Duos já está disponível em várias lojas do varejo.

Por Felipe Santos Bonfim


A tecnologia já existe há anos e foi adotada por várias fabricantes. No entanto, algumas empresas demoraram para colocar no mercado aparelhos dual chip, ou seja, que comportam dois cartões SIM diferentes.

A Motorola, uma das mais tradicionais fabricantes de celulares, começou a comercializar no Brasil o Motorola Fire, primeiro dual chip da companhia.

Com a novidade os usuários do smartphone podem colocar dois chips de companhias telefônicas diferentes no aparelho. Dessa forma é possível fazer mais economia ao realizar chamadas.

Além da vantagem da possibilidade de se colocar dois cartões SIM, o Motorola Fire também tem câmera de 3 megapixels, tela de 2,8 polegadas sensível ao toque e rádio FM. O cartão de memória que acompanha o aparelho tem 2 GB de espaço, mas é possível trocar até por 32 GB. A Motorola garante que em stand by a bateria dura cerca de 260 horas. O sistema operacional do aparelho é o Android 2.3, conhecido como Gingerbread, do Google.

Não foi divulgado oficialmente pela Motorola o preço médio do aparelho nas lojas brasileiras. Na internet o produto pode ser encontrado por cerca de R$ 700.

Por Mozart Artmann


Com tantas opções de planos e de operadoras, muitas vezes o consumidor pode ter dificuldades em selecionar a melhor opção, ficando em dúvida quanto a duas ou mais delas.

Outra situação complicada é para quem usa muito o celular, mas liga para pessoas e empresas variadas, tendo que pagar uma conta alta que poderia ser mais baixa caso fosse assinante de duas, três ou até quatro operadoras.

A solução até então era a aquisição de dois ou mais aparelhos celulares, o que nem sempre é muito prático, especialmente para quem realizar viagens e serviço externo, mas agora os principais fabricantes de telefones celulares estão lançando linhas completas de equipamentos da categoria Dual Chip.

É o caso, por exemplo, do Nokia C2 Dual Chip, um equipamento que pode armazenar até cinco configurações diferentes de chips. Isso significa que você precisará inserir um chip principal no equipamento e terá a opção de inserir um segundo chip na porta extra, com o detalhe de que esse segundo chip poderá ser trocado a qualquer momento, sem desligar o aparelho.

Você insere um chip Vivo, por exemplo, quando precisar fazer chamadas para contatos dessa operadora, e muda quando quiser para um chip TIM, Claro ou OI, apenas com pouco toques no menu.

Vale a pena conferir esse produto.

Por Luiz Moreira


Há poucos dias, uma pesquisa revelou que os jovens brasileiros têm preferência por celulares com suporte a dois chips simultâneos. E para quem acha que há poucas opções de escolha no mercado, saiba que a Apple pode estar preparando uma surpresa para os usuários: o lançamento do iPhone 5 com suporte para dois chips simultâneos.

Apesar de ser um tanto difícil de acreditar, a informação foi publicada pelo site 9to5Mac baseado, por sua vez, em informações publicadas pelo site chinês iDealsChina, que no passado acertou sobre mudanças no design do iPhone 3G e no iPod nano de quarta geração.

O suposto iPhone 5 dual-sim poderia ser lançado com um chip da Qualcomm que permitiria usar tanto Sim Cards para conexões GSM e CDMA no mesmo aparelho. No entanto, o site 9to5Mac alerta que a informação pode ter sido mal interpretada.

Por Maximiliano da Rosa


Nos últimos meses notei que a variedade de celulares dual-chip no mercado tem aumentado. De um ano para cá várias empresas lançaram seus modelos, principalmente Motorola e Samsung. Até então esse mercado era dominado pelos aparelhos fabricados na China. Agora uma pesquisa do instituto Nielsen concluiu que os jovens entre 15 e 24 anos são os maiores usuários desse tipo de celular.

Depois de entrevistar 5 mil pessoas em 10 capitais brasileiras, o Nielsen apurou que 22% (ou quase 1/5) dos jovens abordados preferem utilizar celulares dual-chip, que permitem utilizar os serviços de duas operadoras ao mesmo tempo. Apenas na Itália a preferência por celulares dual-chip é maior (29%).

E não foi só isso que a pesquisa apurou. O instituto de pesquisas revelou que a maioria esmagadora desses jovens (90%) são donos de aparelhos pré-pagos, e confessam ter optado por eles devido ao preço.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Terra





CONTINUE NAVEGANDO: