Nokia pretende voltar ao mercado de celulares



  

A Nokia estaria procurando por um parceiro que assumisse a parte de produção, marketing, vendas e suporte aos clientes.

Quem não se lembra dos celulares clássicos da Nokia? Uma das primeiras empresas de telefonia móvel do mundo confirmou na noite de segunda-feira, dia 13, que pretende voltar ao mercado de celulares.

A fabricante tailandesa vendeu o negócio em 2014 para a Microsoft, depois de sucessivas quedas nas vendas. Um dos modelos de smartphone lançado pela parceria é o Nokia Lume, que arrebatou uma multidão de milhares de fãs ao redor do mundo.

Na semana passada a Microsoft acabou por demitir cerca de 7,8 mil funcionários ao redor do mundo. Fontes confirmam que o foco dos funcionários demitidos seriam os ex-funcionários da Nokia que foram incorporados ao corpo de funcionários da Microsoft. As demissões dos funcionários da Nokia seria um dos primeiros indícios de que a parceria Nokia/Microsoft teria chegado ao fim.

Segundo a assessoria de imprensa da Nokia, a empresa estaria procurando por um parceiro que assumisse a parte de produção, marketing, vendas e suporte aos clientes. A previsão da fabricante é que o seu novo modelo de celular chegue ao mercado depois do quarto trimestre do ano de 2016. Logo após a parceria firmada com a Microsoft permitir que a Nokia utilize novamente a sua marca.





Se a Nokia se firmar novamente no ramo de celulares, pode ser uma forte concorrente para as marcas já conhecidas atualmente, pois é uma marca que possui o respeito dos clientes pelos clássicos celulares já conhecidos por sua resistência.

Se os novos celulares da marca aliarem boa resistência e um design inovador com certeza a marca voltará ao mercado com uma excelente aceitação do público, pois uma das maiores reclamações dos usuários de smartphones é a baixa durabilidade ou a fragilidade de seus aparelhos. Como a Nokia tem uma vasta experiência com aparelhos de boa resistência e pode ter absorvido detalhes importantes de design com sua parceria com a Microsoft, fica a pergunta: será que a nova geração de celulares fabricados pela Nokia irá aliar o que há de mais moderno com alta resistência? É isso que os fãs saudosos da marca esperam com esse anúncio da volta da Nokia ao mercado.

Por Patrícia Generoso

Smartphones da Nokia

Foto: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *