Xiaomi Mi Band – Nova pulseira inteligente fitness



  

Pulseira inteligente será vendida no Brasil por apenas R$ 95.

A Xiaomi chegou oficialmente ao Brasil em um evento que marcou o lançamento de alguns dos produtos da empresa, já conhecidos no mercado internacional.

Conhecida como a "Apple chinesa", a Xiaomi anunciou o lançamento do smartphone Redmi 2 que promete ter um preço bastante competitivo para o mercado brasileiro.

Além do smartphones, a empresa asiática também anunciou o lançamento do Mi Band – pulseira fitness.   O acessório conta com grande autonomia e algumas funções bastante interessantes. A pulseira inteligente, que deverá monitorar todas as suas atividades físicas, chegará ao mercado brasileiro por um preço muito atraente. Por apenas R$ 95 os brasileiros poderão comprar o seu acessório. O sucesso da pulseira é impulsionado pela sua qualidade e preço bastante acessível. Ela foi muito bem recebida em todo mundo, atingindo a marca de um milhão de unidades vendidas por mês. Se você levar e conta que a fabricante atua em oito países, além do Brasil, este número é surpreendente.  

O gadget foca na eficiência em monitoramento, o que resulta em resultados precisos e o torna bastante útil para os afeiçoados ao mundo fitness. A autonomia do dispositivo é de impressionantes 30 dias. Caso o uso seja moderado, Hugo Barra, executivo da companhia, afirmou que a duração poderá chegar a 60 dias.   





A Xiaomi Mi Band consegue obter informações dos passos do utilizador para posteriormente auxiliá-lo em busca de metas como peso ideal, exercícios físicos específicos, entre outros. A pulseira inteligente mais barata do mundo possui variados modelos com cores e materiais distintos. 

Para utilizar a Mi Band, o usuário deverá sincronizá-la com seu smartphone através de um aplicativo. Somente quem está vestindo o gadget poderá ter acesso à interface do sistema operacional. Com isso, a fabricante tenta da maneira correta eliminar a necessidade de senhas ou outras configurações para liberar o uso da plataforma. 

No exterior a pulseira inteligente custa apenas US$ 12. Mesmo bem acima do valor internacional, os R$ 95 para o mercado brasileiro é bastante atraente e deverá ditar o sucesso do gadget entre o público nacional. Assim como o smartphone Redmi 2, os interessados poderão se registrar para adquirir a Mi Band no site oficial da empresa chinesa.

Por William Nascimento

Xiaomi Mi Band



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *