Versão beta do Windows 10 para celulares

  

  

Em uma conferência realizada em janeiro de 2015, a Microsoft anunciou seu novo sistema operacional, o Windows 10. Essa versão promete revolucionar o modo como o Windows é distribuído em todos os aparelhos em que está instalado.

Para smartphones e tablets, uma única versão será lançada, e fontes ligadas à Nokia afirmam que a versão de dispositivos móveis para testes do sistema operacional já ficará disponível para download logo nesta primeira semana de fevereiro.


Para quem quiser conferir a novidade, terá que baixar o programa Windows Insider, que trata-se de uma atualização do conhecido Phone Insider. Por meio desse app, o usuário fará um cadastro e receberá a versão beta mais recente do sistema operacional.

Por ser beta, o intuito da distribuição antes do lançamento oficial é o de identificar erros e dificuldades sofridas pelos usuários, de forma a disponibilizar um sistema operacional com a melhor experiência possível.

Vale lembrar que a informação não é oficial da própria Microsoft, então pode acontecer de ainda demorar um pouco para a versão teste chegar até os dispositivos móveis.

  

Dentre as novidades da nova versão do S.O., estão os melhoramentos feitos na Cortana, assistente virtual do Windows, baseada na personagem homônima da série de jogos Halo, pertencente à própria Microsoft.

Os usuários do Windows 10 também verão uma maior integração entre os apps disponíveis para desktop e smartphones ou tablets, já que eles serão disponíveis em versões únicas para os dispositivos, permitindo que o trabalho iniciado em um dispositivo seja terminado em outro, sem problemas de compatibilidade.

Quanto aos aparelhos que já rodam versões anteriores do Windows Phone, a Microsoft disse que pretende abranger o maior número de smartphones com Windows 8 e 8.1 com a versão 10, porém, alguns modelos possuem limitação de hardware que não permitirão que a atualização funcione.

Em relação aos desktops, os usuários dos Windows 7, 8 e 8.1 que tiverem capacidade de hardware para o Windows 10 terão o prazo de um ano para atualizaram gratuitamente para a nova versão. Esse processo ficará mais parecido ao que a Apple faz quando lança um novo S.O., por exemplo.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *