Samsung Galaxy Note Edge – Smartphone com tela curva tenta alavancar as vendas da marca

  

  

A Samsung aposta em tela curva para celulares para recuperar sua liderança de mercado. Ao amargar o pior prejuízo anual em 3 anos e pressionada por concorrentes chineses, a empresa quer recuperar sua liderança com a aposta em aparelhos sofisticados com telas curvas e novos recursos.

A empresa coreana quer produtos diferenciados, e lançou o Galaxy Note Edge, aparelho que possui tela curva, que passa a se diferenciar dos seus rivais de tela plana. Mas para se tornar viável comercialmente, a Samsung terá de fabricá-lo a custo competitivo, e contar que seus fornecedores desenvolvam novos aplicativos para esse novo formato.


A Samsung toma essa iniciativa, por estar experimentando seu pior lucro anual em 3 anos, pressionada por rivais chineses como Lenovo e Xiaomi, que produzem aparelhos com tela do tipo "touchscreen" com vários recursos, porém com preços mais em conta, característica típica de produtos "Made in China". Apenas a Apple tem se mantido em posição de destaque nesse mercado.

A tendência de se produzir aparelhos com telas cada vez maiores torna difícil a adoção de modelos padronizados, segundo Kim Nam-su, projetista sênior da Samsung e responsável pelo modelo Note Edge. Ele ainda acrescenta que uma mudança de plataforma traz novas implicações e que isso pode superar os desafios vividos pela Samsung.

O Note Edge, entretanto, não é o primeiro celular que utiliza tela curva, mas introduz uma nova característica que é sua borda curvada e projetada, que oferece atalhos para aplicativos e outros recursos. A LG oficialmente lançou o LG G Flex, em outubro de 2013, que chamou de "o primeiro celular realmente curvado no mundo", ignorando o Galaxy Round da própria Samsung, que havia  sido lançado dias antes. Esse aparelho, no entanto, não chegou a empolar o mercado, devido às suas fracas vendas.

  

Não há consenso se existe de fato alguma vantagem do uso da tela curva ao invés da tela plana. O pessoal da CES 2014 (Consumer Electronic Show) realizou testes com celulares de tela curva, e concluiu que são poucas as vantagens desse tipo de plataforma, além do aspecto estético, em favor deles.

As vendas do Galaxy Edge Note iniciaram na Coreia do Sul, com preço em torno de US$ 1.000,00, com lançamento previsto nos Estados Unidos para breve. Não há previsão, por enquanto, do lançamento no Brasil.

Por Russel Hernandes

Fotos: Divulgação

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *