Anatel – Nono Dígito em números de Celulares – São Paulo



  

O crescimento do setor de telecomunicações tem posicionado bem o Brasil no mundo, constatação que reflete tanto o otimismo dos brasileiros em adquirir aparelhos como, também, o quão o segmento melhorou a oferta de serviços ao longo dos últimos anos. José Serra (PSDB), candidato derrotado no 2º turno das eleições presidenciais, alega ter sido a privatização da Telesp o grande motivador da atual conjuntura.

Na cidade de São Paulo a quantidade de celulares cresce a cada minuto. Devido a isso e ratificando deliberações adotadas recentemente, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou no Diário Oficial da União, no dia 15 de dezembro, a Resolução 553, no intuito de permitir o incremento de um nono dígito nos números de celular.





A Band Online assinala que as operadoras terão exatamente dois anos para acatar a medida. Nesse prazo, a agência segue iniciativas temporárias, tais como usabilidade de numeração peculiar para os modems da geração 3G e adoção de sistemas de alocação dinâmica de numeração, entre algumas outras.

A partir da resolução e das adequações, a cidade de São Paulo angariará 370 milhões de novas possibilidades de números de celulares. A Anatel ressalta que a iniciativa foi levada adiante devido à facilidade de absorção pela população com o intento, algo que já aconteceu décadas antes, quando houve aumento de seis para sete dígitos e de sete para oito dígitos algum tempo depois.

Por Luiz Felipe T. Erdei



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *